10/07/2012 - 09h12min - Atualizado em 10/07/2012 - 09h12min

Adicional por tempo de serviço pode voltar no serviço público

Além de estender o benefício para os militares, o substitutivo pretende garantir seu pagamento a servidores remunerados por subsídio, como detentores de mandato eletivo, ministros...

 

 

Simone Franco

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) poderá votar, na próxima terça-feira (10), às 14h30, substitutivo do senador Gim Argello (PTB-DF) a três propostas de emenda à Constituição (PECs 2, 5 e 68, de 2011) que restabelecem o pagamento do adicional por tempo de serviço para várias carreiras do serviço público federal, estadual, distrital e municipal. O assunto chegou a entrar em pauta na reunião da terça-feira (3), mas a votação foi adiada por pedido de vista.

O substitutivo tomou como referencial a PEC 68/2011, de iniciativa do senador Humberto Costa (PT-PE), por abranger servidores de carreiras específicas dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário em todas as esferas de governo. Quanto às PECs 2 e 5, de 2011, de autoria do então senador Gilvam Borges (PMDB-AP), resgatavam o adicional por tempo de serviço apenas para juízes, membros do Ministério Público, advogados e defensores públicos.

Além de estender o benefício para os militares, o substitutivo pretende garantir seu pagamento a servidores remunerados por subsídio, como detentores de mandato eletivo, ministros de Estado e secretários estaduais e municipais. Atualmente, a Constituição proíbe o acréscimo de qualquer gratificação, abono, adicional, verba de representação ou outra espécie remuneratória ao subsídio pago pelo exercício dessas funções.

O adicional por tempo de serviço seria fixado em 5% e concedido a cada cinco anos de efetivo exercício, até o limite de 35%. O pagamento dessa vantagem ao funcionalismo público foi revogado por medida provisória editada no governo Fernando Henrique Cardoso.

As parcelas de caráter indenizatório – como ajuda de custo, diárias e auxílio-moradia – continuariam sendo pagas a todos os servidores públicos abrangidos pelo substitutivo à PEC 68/2011 sem incidir no cálculo do teto constitucional, que limita o valor das remunerações e subsídios pagos no serviço público.

Antes de seguir para a Câmara dos Deputados, o substitutivo à PEC 68/2011 precisa passar por dois turnos de votação no Plenário do Senado.

Agência Senado

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2015 ás 16:20:00

Deputados devem custar R$ 75 milhões ao mês

Além do salário de R$ 33,7 mil, parlamentares têm direito a ajuda de custo, cotão, auxílio moradia e verba de gabinete para até 25 funcionários. Valor pode aumentar caso os benefícios sejam reajustados.

POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2015 ás 16:16:00

Youssef pode recuperar até R$ 20 milhões com delação premiada

Defesa conseguiu inclusão de cláusula na qual doleiro receberá 2% de todo o dinheiro que ajudar a recuperar.

POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2015 ás 16:05:00

Amigo íntimo de Lula é peça-chave do petrolão

Surgem indicios do envolvimento profundo do empresario José Carlos Bumlai com o escândalo que sangrou a Petrobras. Ele tinha acesso livre ao Planalto e até hoje resolve problemas da familia de Lula.

POLíCIA | matéria escrita em 24/01/2015 ás 15:40:00

Contador que escapou da morte em novembro desaparece

Dagoberto Moreira foi visto pela última vez por volta do meio dia segunda-feira.

POLíCIA | matéria escrita em 24/01/2015 ás 15:32:00

Sumiço de contador ainda é obscuro para a Polícia Civil

Segundo relatos da mulher de Dagoberto, ele saiu de casa na tarde da segunda-feira, 19, dizendo que iria a uma agência bancária.

POLíCIA | matéria escrita em 24/01/2015 ás 15:29:00

Garota denuncia ameaça por envolvimento com membro do alto escalão da prefeitura

Segundo os relatos da menina, depois que o relacionamento chegou ao fim, o membro do alto escalão da prefeitura passou a ameaçá-la.

GERAL | matéria escrita em 24/01/2015 ás 13:40:00

CREA projeta dobrar pastagens e reivindica plano de carreira

Além da reivindicação profissional, engenheiros e agrônomos também apresentaram projeto em fase de desenvolvimento, prevendo melhor aproveitamento das terras usadas como pastagem.

GERAL | matéria escrita em 24/01/2015 ás 13:35:00

Ji-paraná lembra dia de combate à hanseníase

O propósito desta celebração é aumentar a consciência de que a hanseníase é uma doença curável, divulgar os sinais e sintomas ...

GERAL | matéria escrita em 24/01/2015 ás 13:31:00

Camarão abre novo ciclo na economia de Rondônia

Com um total de 28 horas-aula, que inclui exposições teóricas e atividade de campo, o curso é ministrado por profissionais com notável formação acadêmica e larga experiência profissional.

GERAL | matéria escrita em 24/01/2015 ás 13:26:00

Agência central do Banco do Brasil sofre com infestação de ratos e pombos

De acordo com o secretário de Imprensa do Sindicato, Clemilson Farias, essa situação se arrasta desde o segundo semestre do ano passado.

POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2015 ás 13:24:00

O erro alheio é magnífico!

Davi Nogueira

GERAL | matéria escrita em 24/01/2015 ás 13:22:00

Guajará-Mirim busca apoio para retomar desenvolvimento

Os vereadores de Guajará-Mirim vieram a Porto Velho em busca de apoio do governo estadual nas áreas da saúde, cultura, expansão do distrito industrial e a abertura das lojas francas.

GERAL | matéria escrita em 24/01/2015 ás 13:11:00

Fim do isolamento do Guaporé só depende da navegação fluvial

Guajará-Mirim não pode dispor da sua maior galinha do ovos de ouro: os rios. Embarcações antigas perderam-se na ferrugem do tempo, abandonadas à beira do rio Mamoré.

POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2015 ás 13:05:00

Governo faz ajustes para eliminar costumes que emperram o serviço público

“Prioridades do meu governo não são invenções de minha cabeça, mas um clamor da população, como é o caso da melhoria dos serviços de saúde", diz Confúcio.

GERAL | matéria escrita em 24/01/2015 ás 12:59:00

Pais podem acompanhar desempenho escolar de filhos pelo computador

A secretaria estadual alerta aos gestores escolares para que orientem os pais dos estudantes quanto ao acompanhamento de seu filho na escola por intermédio da Internet.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com