15/01/2012 - 08h12min - Atualizado em 15/01/2012 - 08h12min

Blog do Confúcio - A educação fraquinha das pernas, quase escorada em muletas

De olho na folha de pagamento da Emater.

DOMINGADAS II
Tags: Domingadas II
Postado por: Confúcio Moura | 15 janeiro , 2012 | No Comments »

1- Em ARIQUEMES a madrugada está chuvosa. Suave. Convida para um sono mais longo. Alguns passarinhos arrojam-se para a cantoria da alvorada. Faltou energia na cidade. Sem o computador de mesa fui ao IPAD. Invento que se alastra como necessidade. Mais alguns dias o homem desaprenderá a conversar com vizinho. Tudo será turma, grupo ou comunidade virtual. Até o sexo anda nas alturas wireless. Chove. Pelo cinza das nuvens deve atravessar o dia.

2- É flagelo nacional a violência no trânsito. É uma epidemia nacional. Motocicleta é quase suicídio. Comprar moto parece mais importante que um prato de arroz com feijão. Daqui a pouco encheremos o Brasil de UTIs e Pronto Socorro. E todo mundo será tratado como se numa guerra tivesse.

3- Floresta Nacional do Bom Futuro (FLONA), perto de Buritis, mas, pertence a Porto Velho. Anos a fio o povo foi entrando nela. Derrubando mato. Derrubando na FLONA. Constituiu-se Associação para dar legitimidade a conflituosa ocupação. Como deputado federal propus alterar limites. Virou e mexeu meu projeto foi aprovado num acordo entre Governo Federal e Estadual. Agora, coube a mim implantar uma forma de convivência diferente de ocupação – chamada AREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL – APA.

4- Assinei Termo de Ajuste de Conduta com CNBio e MINISTERIO PÚBLICO FEDERAL. Já cumpri a primeira parte. Ainda redutos de gente insatisfeita. Sempre terá. Mas, chegou ao fim. Fora da APA qualquer conversa será em Brasilia com a CNBio. Ou com o Congresso Nacional. Só me resta cumprir a minha tarefa. E nada mais.

5- Rondonienses: – acabou a farra da invasão de terra. Ainda mais de unidades de conservações estaduais ou federais. Não se pode mais derrubar a mata. Quem quer terra que a compre. Ou vá para o cadastro do INCRA. Estou ajudando nas mediações conflituosas como governador. Estamos em novo ciclo Econômico – da modernização do plantio, da intensificação do criatório de gado, de produzir mais na mesma área já desmatada.

6- RONDONIA está acuada como um bicho do mato. Escondida na moita com medo ou vergonha de aparecer. Sobre a nossa Educacão. Fraquinha nas pernas quase escorada na muleta. Ensino médio pra lá de Bagdá. Emerge do centro da terra uma força de vulcão. Goiás foi buscar um adversário para reger sua orquestra educacional – Flávio Peixoto. Quer metas de desempenho. Quer resultados na ponta do lápis.

7- Meritocracia – esta palavra será o oitavo sacramento. Ganha mais quem produz mais. Ganha mais que alcança metas. Ganha mais quem sabe mais. A isonomia é uma anomalia pré-historica. Bem sabe da dor e fracasso dos países comunistas. Onde o fundamento foi sempre o estatismo da igualdade por baixo. Veja Cuba como vive. Rússia do passado, Polônia, Albânia e a China de Mao. nivelar por baixo é um crime. Meritocracia um poderoso instrumento de melhoria da qualidade da Educacão, junto com outras medidas igualmente importantes.

8- Visitei Theobroma e Vale do Paraíso neste final de semana. A base econômica é a agricultura familiar. A nova onda é o peixe. Em 10 anos poderemos dobrar a produção leiteira, será um grande sucesso. Recomendo rever os programas anteriores. Avaliar o desempenho ao longo do tempo. Virar à baiana. Temos que sacolejar a carroça. E no mais é aumentar a parição das vacas. Os índices são baixos. O bezerro é importante no aumento da renda do produtor rural.

9- A EMATER é uma empresa publica que se rege por leis próprias. Mas, o maior patrão é o Estado. Já pedi a folha de salário histórica. Quero autorizar pessoalmente cada contratação. Porque empresa é empresa. Não pode inchar. Porque depois, em crise, sobrará para o Estado. Nada de trem da alegria.

10- Um Governo periférico e do Norte como RONDONIA só adquirirá respeito em Brasilia se for ousado, propositivo, com gente competente para projetos inovadores. Primeiro deve conhecer cada MINISTERIO, seus programas, seus orçamentos e habilitar o Estado. Se nada fizermos, nada teremos. Investir em gente preparada dá resultado. Dinheiro tem. O que se precisa é saber arrancar o recurso das unhas do dragão, que é a burocracia. Todo ano não se executa o orçamento da Uniao. Por falta de projetos dos Estados. Olha aí o papel mais importante da SEPLAN e dos demais?

comentários
publicidade

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 01/07/2016 ás 09:08:00

Expedito Netto anuncia liberação de recursos para Munícipios

Os recursos foram pagos pelo Ministério da Saúde, e se referem às emendas apresentadas pelo deputado ao Orçamento Geral da União.

POLíTICA | matéria escrita em 01/07/2016 ás 08:56:00

Airton Gurgacz recebe visita de integrantes da banda Versalle

Parlamentar assegura apoio para trabalho artístico em Rondônia.

POLíTICA | matéria escrita em 01/07/2016 ás 08:43:00

Polícia Federal cumpre mandado e prende pré-candidato a prefeito em Corumbiara

Claudinei Marcon foi condenado ao semiaberto em segunda instância .

GERAL | matéria escrita em 01/07/2016 ás 08:37:00

Observatório de Despesa Pública começa funcionar no mês de agosto em Rondônia

Segundo o controlador-geral, Francisco Netto, equipe da CGE vem trabalhando desde janeiro para o aperfeiçoamento e montagem da estrutura técnica e operacional da nova unidade (ODP)...

GERAL | matéria escrita em 01/07/2016 ás 08:33:00

Ponte de concreto com 121 metros interligará municípios nas regiões de Jaru e Machadinho do Oeste

A ponte foi construída pelo Governo de Rondônia para dar suporte ao homem do campo, em especial ao escoamento da produção leiteira na região, um dos pilares da economia desses municípios.

GERAL | matéria escrita em 01/07/2016 ás 08:24:00

Pronaf disponibiliza mais de R$ 18 milhões para região de Porto Velho

Para a região do Território Madeira Mamoré, composta pelos municípios de Porto Velho, Nova Mamoré, Guajará-Mirim, Itapuã do Oeste e Candeias do Jamari, foram destinados R$ 18.515.740,04.

POLíCIA | matéria escrita em 01/07/2016 ás 07:53:00

Foragido da PF encontrado em motel em Pernambuco morreu envenenado

Tecnicamente, o termo que indica o envenenamento no laudo é “intoxicação exógena”. A substância encontrada no corpo de Morato é o organofosforado, presente na composição de um inseticida conhecido como chumbinho.

POLíTICA | matéria escrita em 01/07/2016 ás 07:49:00

Acir Gurgacz diz que corrupção impede o desenvolvimento do país

- Nós não temos dinheiro para infraestrutura, nós não temos dinheiro para educação, nos faltam recursos para a saúde. E onde é que está esse dinheiro? Agora está aparecendo. Onde se mexe, tem um rombo, e não são rombos pequenos - disse o senador.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 01/07/2016 ás 07:45:00

Turma mantém validade de filmagem como prova para justa causa de motorista

A empregadora aplicou a punição após constatar, em vídeo feito por empresa de investigação, que o motorista parou na rodovia para entregar centenas de garrafas de cerveja vazias em um bar, sem a devida autorização.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 01/07/2016 ás 07:43:00

É indevida cobrança de direitos autorais por música em festa junina escolar

O recurso julgado pelo STJ teve origem em ação de cobrança promovida pelo Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad).

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 01/07/2016 ás 07:29:00

Desembargadora Ivanira participa de sua última sessão na 1ª Câmara Criminal do TJRO

Magistrada irá se aposentar e foi homenageada ao final da sessão de julgamento.

POLíTICA | matéria escrita em 30/06/2016 ás 13:36:00

Pimentel é denunciado na justiça por progaganda eleitoral antecipada

Pré-candidato do PMDB à Prefeitura de Porto Velho é acusado de estar pedindo votos, em flagrante desrespeito à legislação eleitoral, que proibe esse tipo de conduta fora do prazo legal.

GERAL | matéria escrita em 30/06/2016 ás 12:36:00

Movimento Rondônia pela Educação reúne representantes de escolas para debater ações

Participaram do evento diretores, supervisores, orientadores e representantes de associações de pais e mestres de escolas públicas estaduais e municipais.

GERAL | matéria escrita em 30/06/2016 ás 12:30:00

Cine UNIR discute consumismo infantil com exibição de “Criança, a alma do negócio”, de Estela Renner

O filme mostra como a criança se tornou no Brasil a alma do negócio para a publicidade.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com