16/01/2013 - 08h34min - Atualizado em 16/01/2013 - 08h34min

CONFÚCIO E ISABEL LUZ: O GOVERNO DA PERSEGUIÇÃO...

Por FRANCISCO XAVIER GOMES.

Desde que assumiu o governo, o médico Confúcio Moura tem uma conversa macia e prega democracia em todos os lugares onde anda, além de declarar, em diversas ocasiões, que seu governo não persegue ninguém... Quando o assunto é perseguir funcionários, o atual governo ganha fácil do truculento governo de Cassol, principalmente em atos que partem da secretaria de estado da educação.

Antes que a turma de Confúcio fique magoada e se diga injustiçada, melhor dar nome aos bois: as perseguições sobre as quais me refiro são praticadas exclusivamente pela secretária de educação, a senhora Isabel Luz, que age como se fosse dona do patrimônio de Rondônia, embora não seja nem mesmo servidora de carreira e nem tenha absolutamente nenhuma ligação com a educação.

Estes fatos ocorrem pela falta de compromisso do governador com o estado. Durante a campanha, parecia que o ex-policial do Tocantins tinha mesmo autoridade e serenidade para conduzir os destinos de Rondônia, mas infelizmente Confúcio revelou-se um grande símbolo de incompetência, desgoverno e permissividade, a ponto de assistir, caladinho, tantos desmandos promovidos pela senhora Isabel Luz.

Apenas para ilustrar as reflexões feitas aqui, quero citar o caso específico da escola ELOÍSA BENTES RAMOS, já citado por mim e outras pessoas. Desde que foi empossada como titular da pasta, Isabel Luz nunca permitiu que o diretor da citada escola tivesse paz... As perseguições são diárias, são constantes e são exaustivas. Prefiro acreditar que Confúcio não tenha conhecimento desses fatos, embora ele tenha o bom hábito de ler e, seguramente, já leu alguma publicação onde este fato foi mencionado.

Entre outras coisas, Isabel tentou até mesmo encantar, com propostas de empregos na SEDUC, lideranças estudantis da escola, em troca de aliados que pudessem ajudá-la na sua missão de perseguir o professor Joelson Chaves Queiroz. Somente não vou citar aqui nomes de alunos assediados pelo poder, porque eles ainda não têm a idade que a lei permite, mas até as árvores do pátio da escola sabem destes fatos. Depois de tentar tal coisa, a secretária exonerou do cargo o diretor da escola, que foi eleito legitimamente pelo processo que ela mesma chama de “GESTÃO DEMOCRÁTICA”, mesmo sem ter cometido nenhum ato ilícito.

Felizmente, o Poder Judiciário do Estado fez justiça, como tem feito em muitos outros casos, determinando a recondução do diretor perseguido ao cargo. Depois, Isabel exonerou a vice-diretora da escola, objetivando desestabilizar as ações administrativas, não se sabe por que razão... Novamente o Tribunal de Justiça agiu com a mesma retidão e fez, outra vez, valer a legislação de nosso país... Tudo isso acontece em volta de Confúcio e ele nunca falou do assunto... É essa a forma de tratar a educação que ele prometeu que seria prioridade? Onde o governo que levar a educação, colocando pessoas como Isabel Luz em cargos como este? Por que o governo de Confúcio persegue pessoas que nunca cometeram crime? Cooptar estudantes para prejudicar profissionais da educação é uma prioridade do governo? Perseguir professores faz parte da renovação que Confúcio pregou? São perguntas que precisam de respostas urgentemente.

Após todas essas derrotas na esfera judicial, a Secretária não desistiu. Poucos dias atrás usou um programa de televisão para, mais uma vez, perseguir o professor Joelson e sua administração, tudo em nome da qualidade do ensino. É muito estranho que estes fatos não tenham sido percebidos nem mesmo pelo Presidente da Assembléia, o denuncista Hermínio Coelho, que mesmo sendo muito fofoqueiro na condução de seu mandato, às vezes serve para alguma coisa...

Até já sugeri ao diretor da escola que procure ajuda do Procurador-Geral de Justiça Héverton Aguiar, uma pessoa que nos últimos anos desenvolveu trabalhos muito importantes em favor da população de Rondônia, principalmente combatendo atos de corrupção, de abusos contra o patrimônio do estado e mostrando que ainda podemos ter orgulho de algumas instituições públicas desse estado.

Certamente, Isabel Luz persegue tanto o professor Joelson e outros diretores porque manda mais do que Confúcio, como ela declara nas entrelinhas de seus discursos, quando quer pressionar pessoas para impor sua vontade... Uma coisa podemos garantir com certeza: o grande poder de Isabel e sua imensa influência sobre o governador, com certeza, não são objetos de competência administrativa, mesmo porque Isabel nunca havia pisado numa escola antes de ser catapultada ao cargo que tem hoje... De qualquer modo Confúcio já conhece o talento e o poder de Isabel desde o estado de Tocantins, de onde foi trazida por ele para fazer parte da administração de Ariquemes. Para manter no cargo gente que age como a secretária de educação que Confúcio tem hoje, só mesmo se tiver sofrendo pressão de alguém, ou até mesmo por outro motivo que ninguém sabe, pois de outra forma não se justifica... Por que será?

Não considero interessante comparar governos, porque os estilos e pessoas são diferentes, mas em termos de prejuízos para a educação e de perseguir pessoas, o atual governo ganha fácil da turma de Cassol. Não que eu seja defensor de Cassol; considero seu governo um desastre para o estado e jamais votaria nele, mas Confúcio e Isabel Luz formam uma dupla que fará muita gente ter saudade da atual senador...Tenho dito!!

FRANCISCO XAVIER GOMES
Professor da Rede Estadual

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 10:23:00

Rondônia: Prefeita que usou servidores para trabalharem em sua casa como doméstica e jardineiro é condenada

A condenação resultou de ação de improbidade administrativa ajuizada pelo Ministério Público de Rondônia contra a ex-prefeita e os ex-servidores comissionados.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 10:08:00

Rondônia: Provido recurso de servidor que acumulou dois cargos públicos

TJ modificou a sentença que havia condenado servidores por suposto ato de improbidade administrativa.

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 10:04:00

Semtran libera parte do tráfego de ruas que foram alagadas

O secretário da Semtran, Carlos Gutemberg, explica que é necessário manter um acompanhamento, já que as águas ocasionaram uma série de prejuízos ao asfalto das ruas.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 09:35:00

Resultado da 3ª pesquisa para pré-candidatos a deputado federal em Rondônia

Confira os nomes.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 09:06:00

Raupp quer retardar aposentadoria compulsória de servidor

Ele explicou que desde a constituição de 1946 o servidor é obrigado a se aposentar aos 70 anos, mesmo querendo e tendo condições de continuar trabalhando.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 08:50:00

Isonomia do Sintero: Amir Lando foi ao CNJ pedir liberação da multa dos técnico-administrativos

Amir Lando lembrou ao representante do CNJ que as pessoas constantes no processo de isonomia, em sua maioria, já estão com idade avançada, tendo algumas delas já falecido e outras doentes.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 08:18:00

Falta tornozeleira em Rondônia para ex-deputado preso

Donadon estaria sofrendo ameaças na prisão, mas, mesmo assim, não poderá passar à frente dos demais presos mais antigos no recebimento do equipamento de monitoração elerônica.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 07:30:00

Mantida sentença que condenou o Estado de Rondônia ao pagamento de indenização por danos materiais

Ainda de acordo com o desembargador, o material fotográfico comprova, cabalmente, a negligência no suporte de segurança na estrutura da quadra esportiva do órgão escolar.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 07:28:00

Aprovado no Senado, marco civil da internet segue à sanção

O projeto estabelece princípios, garantias, direitos e deveres para internautas e provedores na rede mundial de computadores no Brasil.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 07:15:00

Expedito Júnior participa de reunião com Aécio Neves em Brasília

Nesse encontro do PSDB foram definidas as datas para as convenções.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 07:11:00

PAINEL POLÍTICO - ALAN ALEX

Denúncia baseada na coluna chega ao MP e TCE.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/04/2014 ás 16:44:00

CNJ discutirá estratégia para a redução de fraudes com documentos falsos

O objetivo do trabalho é auxiliar para a futura implantação do Sistema de Informações de Registro Civil (SIRC), além de sugerir outros meios que garantam a segurança dos registros.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/04/2014 ás 16:42:00

OAB consegue trancar ação penal contra advogado

“O entendimento dos tribunais superiores é que o parecer favorável à continuidade de certame licitatório não configuraria crime de responsabilidade".

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/04/2014 ás 16:36:00

OAB questiona critério para honorários quando a Fazenda Pública ficar vencida

Assim, a OAB pede a concessão de medida liminar pelo relator, e posterior referendo do Plenário da Suprema Corte, para suspender a eficácia da norma.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/04/2014 ás 16:33:00

Estado de Rondônia terá que ressarcir cidadão que gastou 69 mil em hospital particular

O relator do recurso, desembargador Walter Waltenberg Silva Junior, disse que a responsabilidade pelo atendimento de saúde dos cidadãos é do Estado.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2013 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 SRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Gonçalves Dias, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com