26/06/2012 - 17h59min - Atualizado em 26/06/2012 - 17h59min

Confúcio encaminha à ALE projeto para regulamentar licença prêmio

A licença prêmio por assiduidade foi aprovada em 92 (lei complementar 68), instituindo três meses de licença após cada cinco anos ininterruptos de efetivo serviço prestado.

DECOM

Um dos compromissos firmado pelo governador Confúcio Moura com o funcionalismo nas diversas reuniões das quais participou com servidores e dirigentes sindicais, antes e depois de sua eleição, a regulamentação da licença prêmio foi encaminhada na segunda-feira (25) à Assembléia Legislativa. O projeto de lei altera o regime jurídico dos servidores civis, com relação a concessão de licença prêmio por assiduidade ou sua substituição por pagamento em dinheiro (proveito pecuniário), conforme a disponibilidade orçamentária e financeira do órgão de lotação do servidor.

A licença prêmio por assiduidade foi aprovada em 92 (lei complementar 68), instituindo três meses de licença após cada cinco anos ininterruptos de efetivo serviço prestado, a título de prêmio com remuneração integral do cargo e função exercida. Ocorreu que no decorrer de sua vigência, a lei sofreu alterações que foram objeto de Ação Direta de Inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal – nº 1197, ainda em tramitação – por atentar contra a legalidade e moralidade administrativa, além dos próprios interesses do Estado.

Em julgamento liminar, o STF entendeu por bem suspender os efeitos da lei que promoveu alterações, até a decisão final da ação. Desde então, os servidores estaduais se encontram desamparados quando se fala da concessão de licença prêmio por assiduidade.

Para atender de algum modo os servidores, o governador Confúcio Moura propôs a aprovação do recebimento em dinheiro (pecúnia) aos pensionistas de servidor falecido referente aos períodos de licença prêmio não gozados, bem como aos servidores inativos o direito de receber o benefício quando do ingresso à inatividade e ainda, a possibilidade do servidor da ativa que tiver direito ao gozo de licença prêmio optar pela reversão do benefício em pagamento, “observada a disponibilidade orçamentária e financeira do Estado”.

De acordo com o projeto de lei enviado para apreciação dos deputados estaduais, “sempre que o servidor na ativa completar dois ou mais períodos de licença prêmio não gozados, poderá optar pela conversão de um dos períodos em pecúnia (dinheiro). Igualmente, em caso de falecimento, os beneficiários à pensão do servidor receberão em pecúnia tantos quantos períodos de licença prêmio adquiridos e não gozados em vida, benefício este também assegurado aos servidores inativos, ao ingressarem na inatividade”.

A proposta prevê ainda que “quando o servidor tiver adquirido apenas um período de licença prêmio por assiduidade e, por motivo de interesse do governo, demonstrada através de despacho fundamentado do seu chefe imediato, não tiver tido a oportunidade de gozá-lo, também poderá optar em reverter em pecúnia o benefício daí decorrente, observados sempre pelo administrador a disponibilidade orçamentária e financeira do órgão de lotação do servidor”.

Fonte: DECOM - Departamento de Comunicação Social

comentários
publicidade

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 31/10/2014 ás 11:21:00

Idiotas, eleições e irresponsabilidades -Por: DAVID NOGUEIRA

"Eleitores atentos e desatentos aos meandros da política são os alvos desse processo nebuloso, turvo e confuso, cuja verdade é o que menos conta".

GERAL | matéria escrita em 31/10/2014 ás 11:18:00

O que é o Herpes simples

Silas A. Rosa (*)

GERAL | matéria escrita em 31/10/2014 ás 11:03:00

Novamente, assessoria do prefeito tropeçou na Lei de Licitações e Contratos

Valdemir Caldas

POLíTICA | matéria escrita em 31/10/2014 ás 10:59:00

A patética secessão tupiniquim

Professor Nazareno

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 31/10/2014 ás 10:56:00

Justiça Federal atende OAB RO e determina nova inspeção no Patrimônio Histórico da EFMM

A determinação atende a Ação Civil Pública (ACP) impetrada pela Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Rondônia (OAB/RO)

POLíTICA | matéria escrita em 31/10/2014 ás 10:53:00

Em Linhas Gerais: Não dá para montar um bom secretariado tendo que atender a tantos interesses

Gessi Taborda

POLíTICA | matéria escrita em 31/10/2014 ás 10:49:00

Mariana Carvalho agradece votos no interior do Estado

A deputada federal eleita Mariana Carvalho (PSDB) está visitando o interior do Estado para agradecer os votos obtidos nas últimas eleições.

GERAL | matéria escrita em 31/10/2014 ás 10:43:00

Rondonia festeja adoção do programa "Mais Leite 2018"

Para Jonadan, Rondonia tem clima, pastagem, dinamismo e competência para tornar-se um dos cinco maiores produtores de leite do Brasil.

POLíTICA | matéria escrita em 30/10/2014 ás 19:30:00

PAINEL POLÍTICO - ALAN ALEX

PSB e PMDB encerram carreiras de Cassol e complicam Expedito.

GERAL | matéria escrita em 30/10/2014 ás 18:35:00

Conta de luz em Rondônia ficará mais cara

As contas de luz terão alta anual regular, em percentuais elevados, e repiques mensais.

POLíTICA | matéria escrita em 30/10/2014 ás 18:32:00

Resenha política

Robson Oliveira

POLíCIA | matéria escrita em 30/10/2014 ás 18:17:00

Delegado acusado de estupro na Central de Polícia dá sua versão

"Faço questão que os fatos sejam apurados, o que já está sendo feito, e não tenho a menor dúvida de que a verdade aparecerá e que essas mulheres irresponsáveis e criminosas respondam ..."

GERAL | matéria escrita em 30/10/2014 ás 14:52:00

“A ativação da Base Aérea de Porto Velho foi um marco para a Amazônia Ocidental”, diz Odacir Soares

O senador destacou a importância da base em discurso feito nesta quinta-feira (30) em Brasília

GERAL | matéria escrita em 30/10/2014 ás 14:51:00

Para atender demanda por genética bovina leiteira, Girolando lança escritório em Rondônia

Para atender a esses produtores rurais, a Associação Brasileira dos Criadores de Girolando inaugura esta semana no Estado seu primeiro Escritório Técnico Avançado (ETA...

GERAL | matéria escrita em 30/10/2014 ás 14:49:00

Banco promove pesquisa socioambiental e pede participação da sociedade

Tal resolução foi fruto de uma ampla discussão com a sociedade, iniciada em 2011

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com