10/02/2012 - 17h39min - Atualizado em 10/02/2012 - 17h39min

Governo tem até segunda para contestar ação de isonomia

Processo tramita na 1ª Vara da Fazenda Pública e consiste no direito do servidor em obter um tratamento isonomico, visto que todo trabalhador que possui o mesmo empregador.

O Governo tem até a próxima segunda-feira, dia 13, para contestar ação de isonomia defendida pelo Sindicato dos Servidores do Poder Executivo (Sintraer) em benefício dos servidores públicos.  O processo tramita na 1ª Vara da Fazenda Pública e consiste no direito do servidor em obter um tratamento isonomico, visto que todo trabalhador que possui o mesmo empregador, que desenvolva funções e atividades semelhantes receberem o salario no mesmo patamar, “ respeitadas somente as diferenças de antiguidade (tempo de serviço) e as vantagens pessoais adquiridas, como anuênio, quintos.

De acordo com o sindicalista Paulo Duran, em julho de 2010 o Estado editou a LC 580/2010, que alterou o PCCS (LC 413/2007), dos servidores da Sejus, criando diversos cargos e funções iguais as de outras Secretarias (Sesau, Sead, Seduc, etc.) , como as funções de médico, administrador, contador, engenheiro civil, advogado (nível superior), agente em atividade administrativa técnico em informática, técnico em enfermagem, motorista (nível médio), e auxiliar de farmácia, auxiliar de serviços gerais, auxiliar de dentista (nível fundamental).

“Entretanto estas novas vagas criadas, foram com salário base superior ao que o Estado pagava aos servidores de outras Secretarias, a exemplo podemos citar que um auxiliar de servições gerais com mais de 25 anos de serviço público recebam o salario base proximo de R$ 400,00 quanto o servidor recem contratado pelo Estado através da SEJUS que exerce a função de auxiliar de serviçõs gerais recebem o salario base inicial da carreira no valor de R$ 648,00 (hoje)”, explicou.

Outro exemplo citado pelo sindicalista  é o de administrador lotado na Sead com mais de 25  anos de serviço. “Ele recebe hoje o salário base de R$ 1.241,42 sendo que o Estado pago ao mesmo cargo de Administrador na SEJUS em inicio de carreira o salario base de R$ 2.700,00”.

A diferença torna-se ainda mais gritante, explicou ele, se for colocado o direito a progressão funcional do servidor (administrador) com 25 (vinte e cinco) anos de carreira no Estado passaria a ter o direito a recer um salário de R$ 3.593,70 - ou seja o servidor (administrador) da Sead com mais de 25 (vinte e cinco) anos de serviço estaria recebendo hoje quase 03 (três) vezes – somente de salário base, tendo ainda o direito de ter mantida as demais vantagens pessoais (adicional  tempo de serviço, quintos, anuênio).

“O direito de isonomia é garantia constitucional, desde que tenhamos o mesmo empregador e as funções e atividades sejam iguais, não há justificativas para ser pago salário base diferentes, a não ser por questões de tempo de serviço (progressão  funcional) e pelas vantagens pessoais que o servidor passa a adquirir ao longo do tempo trabalhado (vantagens pessoais)”.

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 19:06:00

Senado aprova indenização a 'soldados da borracha'

A PEC 61/2013, que tem o deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) como primeiro signatário, prevê que a eles seja pago um benefício único de R$ 25 mil.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:32:00

PAINEL POLÍTICO - ALAN ALEX - Valter Araújo afirma que deputados levaram R$ 1 milhão cada um por isenção das usinas

Valter Araújo deu um longo depoimento ao procurador da República Reginaldo Trindade, invocando o recurso da “delação premiada” e explicou como funcionou a aprovação da isenção.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:29:00

Maurão pede recuperação de vicinal e recapeamento da RO-471, em Ministro Andreazza

"A prefeitura de Andreazza, a exemplo das demais, enfrenta dificuldades e estamos solicitando apoio do Governo para que essa vicinal, importante para a economia do município”.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:25:00

Santander é condenado em R$ 500 mil por não observar jornada de trabalho

A SDI-1 acolheu recurso do Ministério Público do Trabalho, autor de ação civil pública contra o banco, e restabeleceu decisão do Tribunal Regional do Trabalho .

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:23:00

Juiz de MG recebe pena de advertência por manifestação em eventos políticos

Os juízes são proibidos de dedicar-se à atividade político-partidária, de acordo com o artigo 95, parágrafo único, inciso III da Constituição Federal.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:20:00

Registro de infração prescrita em cadastro de servidor é inconstitucional

O autor do MS questionava decisão do presidente da República que, após a regular tramitação de processo disciplinar, aplicou pena de suspensão do autor e determinou a inscrição dos fatos...

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:07:00

Mapa e Conab apresentam medidas para retomada das entregas de polpas de frutas

A reunião aconteceu em cumprimento ao encaminhamento estabelecido durante reunião ocorrida na última semana, em Ji-Paraná.

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:02:00

Governo garante apoio ao pós-enchente em Guajará Mirim

Segundo o vereador Maurício Dibas, o distrito de Surpresa está isolado e sem o devido socorro do poder público.

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:00:00

Presídio Ênio Pinheiro tem funcionamento normalizado após tentativa de motim

“Em todo esse episódio não tivemos ocorrência de feridos ou óbitos”, destaca.

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 17:47:00

Polícia Militar de Rondônia troca comando geral

Assumiu o Comando geral o coronel da PM Fernando Luís Brum Prettz, tendo como subcomandante o coronel PM Geraldo Elísio de Ataíde.

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 17:34:00

Truculência, excesso de burocracia e desrespeitos na SEMTRAN revoltam os taxistas da Capital

A categoria denuncia que qualquer solicitação feita à SEMTRAN se transforma num verdadeiro calvário. Essa situação refletiria o estilo militar do próprio secretario.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 16:55:00

Câmaras Criminais Reunidas do TJRO reduzem pena por posse de arma de fogo

O Ministério Público, por meio de seu procurador de Justiça, durante a sessão de julgamento, opinou pelo conhecimento e provimento da revisão criminal para correta tipificação da conduta delitiva do réu.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 16:46:00

Câmara aprova aposentadoria especial para mulher policial

A regra atual é de aposentadoria voluntária aos 30 anos de contribuição e 20 anos de atividade estritamente policial, tanto para homens quanto para mulheres.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 16:43:00

Transposição: Senadora defende PEC que beneficia servidores de ex-territórios

A proposta será votada nesta quarta-feira (23) e sua aprovação, disse a senadora, é muito esperada por esses servidores e também pelos governadores dos dois estados.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 16:41:00

Senado aprova projeto que regulamenta desmontagem de veículos

O projeto estabelece que um carro só poderá ser desmontado depois de expedida a certidão de baixa do registro.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com