/ geral / greve

19/09/2012 - 08h22min - Atualizado em 19/09/2012 - 08h22min

Greve é deflagrada no Sistema Penitenciário de Rondônia

Em reunião com a Diretoria do Singeperon, realizada no mesmo dia, o presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, deputado Hermínio Coelho, declarou o apoio incondicional aos servidores.

ASCOM - SINGEPERON


Paralisação começa a valer a partir de sábado (22). PCCR, carteira funcional com porte de arma, cumprimento de ordens judiciais em ações já ganhas pelo Singeperon, pagamento de adicionais de insalubridade e periculosidade e melhores condições de trabalho são as principais reivindicações.
Os servidores do Sistema Penitenciário e Socioeducativo de Rondônia deflagraram greve em todo o estado nesta terça-feira (29). A decisão foi tomada por unanimidade em Assembleia Geral Extraordinária realizada na sede Social do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Socioeducadores, Técnicos Penitenciários e Agentes Administrativos Penitenciários do Estado de Rondônia (Singeperon). Com a decisão, a paralisação iniciará de fato no sábado (22), em cumprimento ao prazo legal de 72 horas.

Os filiados disseram um basta ao descaso apresentado pelo Governo Confúcio Moura com os anseios da categoria, no que se refere: ao Plano de Carreiras, Cargos e Remuneração (PCCR), que deveria ser aprovado com prioridade dentre outras categorias do funcionalismo público; entrega da Carteira Funcional com o respectivo porte de arma para os agentes penitenciários, conforme previsão em lei; pagamento do adicional de insalubridade e periculosidade; cumprimento de decisões judiciais em ações já ganhas pelo Singeperon, a exemplo do URV e risco de vida; e melhores condições de trabalho nas unidades prisionais, socioeducativas e órgãos onde existam servidores lotados e exercendo a função.

De acordo com o presidente do Singeperon, Anderson Pereira, a situação da maioria dos presídios e centros socioeducativos de Rondônia é lastimável. “São paredes caindo, coletes de proteção vencidos, depredação do sistema elétrico e hidráulico, viaturas sucateadas, falta de armamento, munição e de pessoal”, revelou.

Na pauta de reivindicações de greve, os filiados exigem também a saída dos secretários da Secretaria de Estado de Justiça, Fernando Oliveira (titular) e Zaqueu Vieira (adjunto), considerando que os mesmos não têm tomado as ações efetivas para garantir os direitos garantidos em lei para os servidores da pasta. Também está previsto na pauta o abono das possíveis faltas advindas da greve, bem como não ser aplicada qualquer sanção ou retaliação de ordem administrativa ou judicial.

Durante a assembleia, Anderson explicou que o diálogo junto ao Governo tem sido pouco efetivo para resolver os problemas dos servidores da Sejus. “Nos reunimos diversas vezes com os secretários no Gabinete, mas somente promessas nos são ditas. Estamos cansados de tanta enrolação. Os servidores e a segurança pública merecem respeito”, disse indignado.

Anderson disse que a situação financeira do estado não é desculpa para o cumprimento das pautas das categorias. “Muito do que pedimos já está garantido em lei e não onera os cofres públicos, como é o caso da entrega das carteiras funcionais, em cumprimento ao Estatuto do Desarmamento”, destacou.

Quanto aos auxílios já conquistados pelos servidores, o sindicalista falou da fragilidade do pagamento dos mesmos, pois podem ser retirados pela Administração a qualquer momento. “Somente a incorporação desses auxílios nos vencimentos resolverá o problema e garantirá que o servidor leve esse benefício para a sua aposentadoria”, explicou

“Em compromisso firmado com o Governo em 2011 já havia a ciência do mesmo que haveria a realização da greve com início em 01/10/2011, caso houvesse o descumprimento do acordo. E houve faz tempo, mas a categoria vem sistematicamente e pacientemente pleiteando e se submetendo a novos prazos e desculpas evasivas por parte do secretário de Justiça”, revelou o presidente do Singeperon.

Com o início da greve neste sábado, a visitação de familiares de apenados poderá ser prejudicada. Somente os serviços essenciais serão mantidos nas unidades prisionais e socioeducativas, por exemplo refeições, procedimentos médicos de urgência e emergência. A categoria irá manter os 30% de efetivo, conforme previsto legalmente.

Já o recebimento de presos das delegacias, escoltas aos Fóruns, atendimento a advogado, banho de sol, atividades laborais e escolares serão paralisados, conforme deliberado na Assembleia.

Apoio do Poder Legislativo Em reunião com a Diretoria do Singeperon, realizada no mesmo dia, o presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, deputado Hermínio Coelho, declarou o apoio incondicional aos servidores da Sejus, sendo deflagrada ou não à greve.

“Não votaremos em nenhum projeto de lei que venha a prejudicar o servidor. É política irrenunciável da Assembleia Legislativa a valorização do funcionalismo público”, destacou Hermínio.

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 04/09/2015 ás 23:08:00

Senado aprova projetos de Junior Donadon proibindo carro de som nas eleições

Em Vilhena, o projeto é de autoria do vereador Junior Donadon, presidente da Casa de Leis. Ele foi aprovado por unanimidade entre os parlamentares no dia 14 de julho passado e depois sancionado pelo prefeito Zé Rover.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 04/09/2015 ás 23:06:00

1ª Câmara Especial do TJRO mantém denúncia por improbidade administrativa

Justiça recebeu a ação de improbidade administrativa contra os acusados por compra e venda de mercadorias superfaturadas e sem licitação ao município.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 04/09/2015 ás 23:03:00

Novos cartórios estão em pleno funcionamento

Dentro do cronograma do concurso estava previsto o treinamento dos novos delegatários, que ocorreu em comarcas próximas aos locais escolhidos, mediante critério de classificação.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 04/09/2015 ás 23:01:00

Comarca de Presidente Médici suspendeu atividades em luto oficial

O técnico judiciário era lotado no Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Conciliação (Cejusc), desde que assumiu o cargo após aprovação em concurso público, em 2004.

POLíTICA | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:56:00

Mariana Carvalho se solidariza com servidores do INSS em greve

Mariana foi à sede do INSS em Porto Velho ouvir as reivindicações dos servidores e se comprometeu apoiar a categoria, cobrando um posicionamento do governo.

POLíTICA | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:53:00

Luiz Cláudio preside os trabalhos da audiência pública sobre o café brasileiro

Luiz Claudio (PR-RO) é o relator do Projeto de Lei 1.713/2015, que institui a Política Nacional de Incentivo a Produção de Café de Qualidade.

GERAL | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:49:00

Produtores de soja de Mato Grosso pegam a estrada para Rondônia em Tour Tecnológico do Campo ao Porto

Equipe maior que do 1º Tour se prepara para participar da segunda edição do evento em Rondônia.

GERAL | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:47:00

Emater recebe homenagem pelos 44 anos de fundação e como empresa mais interiorizada em Rondônia

Empresa que executa a política agrícola definida pela Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), a Emater é a instituição do setor produtivo mais interiorizada em Rondônia.

GERAL | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:45:00

Descentralização na emissão do RG é discutida em reunião na Ouvidoria Geral do Estado

O ouvidor do estado parabenizou a iniciativa da Polícia Civil.

GERAL | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:42:00

Palco Giratório: Confira a programação para o final de semana

No sábado a Gira Dança volta ao palco com o espetáculo "Proibido Elefantes" e no domingo a Companhia participa do Pensamento Giratório.

GERAL | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:39:00

Fiero e Semusb debatem destinação final de resíduos da construção civil

Coleta seletiva em Porto Velho vai começar no próximo dia 15.

GERAL | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:34:00

Atendimento psicológico no Cero aumenta a cada mês; maior clientela é da zona Leste de Porto Velho

Pelo balcão da recepção do Cero passaram mais de 16 mil pessoas de fevereiro a julho deste ano.

GERAL | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:23:00

Greve de servidores do INSS completa 2 meses; peritos aderiram

Servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) entraram em greve por tempo indeterminado. Eles reivindicam reajuste salarial de 27,5% e melhores condições de trabalho.

POLíTICA | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:18:00

Principais pontos da reforma política

eja aqui os principais pontos do PLC 75/2015, conforme o texto aprovado pelos senadores.

POLíTICA | matéria escrita em 04/09/2015 ás 22:17:00

Reforma política deve seguir para Câmara na terça-feira

As novas regras, ainda de acordo com Jucá, só valerão para as eleições municipais de outubro do ano que vem se a proposta for sancionada pela presidente Dilma Rousseff até o dia 2 de outubro.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com