/ geral / jp ii

07/06/2013 - 19h20min - Atualizado em 07/06/2013 - 19h20min

Hospital Sírio Libanês ministra curso de especialização através de vídeo transmissão

A cerimônia da abertura nacional do curso de Especialização em Gestão de Emergências no Sistema Único de Saúde (SUS), foi realizada na manhã desta quinta-feira (6).

A cerimônia da abertura nacional do curso de Especialização em Gestão de Emergências no Sistema Único de Saúde (SUS), foi realizada na manhã desta quinta-feira (6), diretamente do Hospital Sírio Libanês de São Paulo, através de vídeo transmissão. A mesa foi composta pelo superintendente Corporativo do Hospital Sírio Libanês, Gonzalo Vecina; secretário de Atenção a Saúde do Ministério da Saúde, Gilson Coleman; coordenadora do Programa S.O.S Emergências, Ana Augusta; e do médico Roberto Padilha do Sírio Libanês, além dos consultores Matriciais do Ministério da Saúde, o médico Gilberto Scarazatti e Altair Massaro que marcaram presença.

Na ocasião o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, saudou os 480 especializandos dos 24 hospitais brasileiro que irão participar do curso, entre eles, os participantes do Núcleo ‘de Acesso a Qualidade Hospitalar (NAQH), do Pronto Socorro João Paulo II, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Serviço de Assistência Multidisciplinar Domiciliar (Samd) e profissionais estratégicos da Rede de Serviços onde se insere o pronto socorro.

O curso é desenvolvido através de uma parceria entre o Ministério da Saúde e o Hospital Sírio Libanês, como parte do Programa S.O.S Emergências e visa qualificar os profissionais de saúde, para que a prestação dos serviços do SUS seja melhor e o cidadão seja atendido com dignidade. As aulas serão ministradas todas as quintas-feiras e terão a duração de um ano, sendo utilizadas diversas estratégias e utilização de ferramentas de gestão para atenção as emergências do SUS.

O secretario da Sesau, Williames Pimentel, que acompanhou a abertura do evento através de vídeo transmissão no João Paulo II, disse que o governo da cooperação, através da Sesau, está se empenhando para resolver os problemas relacionados ao setor de saúde de forma firme e eficiente. Ele agradeceu o apoio do Ministério da Saúde e a parceria do Hospital Sírio Libanês, que vem modernizar o aprendizado através de capacitações com os hospitais de excelência.

Para a apoiadora local, enfermeira Flávia Vernaschi, uma das estratégias pedagógicas do curso, é a utilização de vídeo conferencia com especialistas nacionalmente renomados, que farão discussões com os alunos, abordando tópicos específicos relacionados à gestão da emergência. “ Esse curso é realizado através das metodologias ativas de ensino aprendizagem, fazendo com que o aluno seja participante ativo da construção do seu conhecimento” explicou.

Texto: Bosco Cardoso
Fonte: Assessoria JP II

Leia também:

comentários
publicidade

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
GERAL | matéria escrita em 27/11/2014 ás 18:36:00

MP acompanhará todas as licitações e todos os projetos de leis municipais em Vilhena

O Ministério Público de Rondônia, por meio da Promotoria de Justiça de Vilhena (Curadoria da Probidade Administrativa)...

POLíTICA | matéria escrita em 27/11/2014 ás 18:31:00

Senador diz que Operação Plateias faz rondoniense passar nova vergonha nacional

Odacir Soares relembrou que o fato de o governador de Rondônia ter sido conduzido coercitivamente à Polícia Federal, além de sua prisão já ter sido requerida, ainda que ainda não deferida...

GERAL | matéria escrita em 27/11/2014 ás 18:06:00

Transposição do servidores de Rondônia vai tramitar junto com a de Amapá e Roraima

Os sindicalistas vão pedir a criação de outra comissão de acompanhamento, e vão propor que a nova Comissão dos Ex-Territórios acelere a análise dos processos de Rondônia...

GERAL | matéria escrita em 27/11/2014 ás 15:37:00

Comissão de Execução Penal do Condege se reúne pela primeira vez em RO

Defensores públicos discutem Termo de Parceria com MJ e Depen

POLíTICA | matéria escrita em 27/11/2014 ás 17:14:00

Senado aprova prioridade para o uso de armas não letais em ação policial

O projeto também proíbe o uso de armas de fogo nos casos de abordagem contra pessoa em fuga que esteja desarmada ou contra veículo que desrespeite bloqueio policial.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/11/2014 ás 15:35:00

Judiciário realiza Casamento Comunitário em Candeias do Jamari

Para o casal Amarildo Santos e Shirlene Gomes, a vida religiosa foi o principal motivo para inscrição no Casamento Comunitário 2014....

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/11/2014 ás 15:30:00

Mais de 8 mil processos já foram distribuídos no PJe

Economia de tempo e de recursos, segurança no trâmite e agilidade. Essas são algumas características do Processo Judicial Eletrônico (PJe)...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/11/2014 ás 15:27:00

765 audiências são realizadas durante Megaoperação Justiça Rápida na capital e Candeias

Equipe segue para o Baixo Madeira nesta sexta-feira (28/11).

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/11/2014 ás 15:21:00

Comarca de Buritis promove ação para arrecadação de donativos e brinquedos

Por meio do "Projeto Natal 2014", a comarca de Buritis (RO) está desenvolvendo uma ação envolvendo o Ministério Público e a Ordem dos Advogados do Brasil

GERAL | matéria escrita em 27/11/2014 ás 15:20:00

Cacoal realiza I Seminário de fortalecimento dos Conselhos Escolares da Rede Municipal de Educação

Para a Professora e Coordenadora dos Conselhos de Cacoal, Sonia Maria da Silva, esta é a oportunidade de discutir a atuação dos mesmos.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2013 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com