20/01/2014 - 08h48min - Atualizado em 20/01/2014 - 08h48min

Mantido sequestro de valores do Estado de Rondônia para tratamento de saúde

O agravante (Estado) pediu a suspensão da liminar, proferida pelo Juízo da 2ª Vara da comarca de Espigão do Oeste/RO, sob o argumento de que o sequestro não poderia ter sido deferido .

A Justiça rondoniense, por meio do desembargador Eurico Montenegro Júnior, que compõe a 1ª Câmara Especial do TJRO, negou provimento ao agravo de instrumento interposto pelo Estado de Rondônia, no qual se pretendia suspender o sequestro de R$ 22.554,17 e R$ 304,17, que servirão para custear o fornecimento de passagens de ida e volta a uma paciente, para fins de tratamento de saúde, e seu acompanhante, além da ajuda de custo. O despacho foi publicado no Diário da Justiça desta sexta-feira, 17 de janeiro de 2014.

O agravante (Estado) pediu a suspensão da liminar, proferida pelo Juízo da 2ª Vara da comarca de Espigão do Oeste/RO, sob o argumento de que o sequestro não poderia ter sido deferido sem a sua oitiva ou sem que lhe fosse permitido providenciar o solicitado. Além disso, sustentou a impossibilidade da adoção da medida quando não demonstrado o descumprimento da ordem judicial.

Em seu despacho, o desembargador Eurico Montenegro disse que não existem motivos para autorizar a suspensão da decisão, pois o direito à saúde é um direito fundamental, além de ser dever do Estado prover as condições indispensáveis ao seu pleno exercício. De acordo com o decano do TJRO, em 4 de setembro de 2013, o Juízo em questão deferiu medida liminar para que o agravante, em até 10 dias, providenciasse a realização do procedimento adequado, adotando as providências necessárias, inclusive tratamento fora do domicílio, sob pena de bloqueio de valores do Estado, sem prejuízo da adoção de outras medidas. Como não houve o cumprimento daquilo que foi determinado, o sequestro foi efetuado em 12 de novembro de 2013.

Dito isso, Eurico Montenegro pontuou ainda que, em prol de um bem maior que é a vida, "tenho por relevantes os motivos apresentados pelo Juiz, em razão do estado de necessidade do impetrante, que é portadora Arritmia Complexa Sintomática e necessita urgente de fazer o exame Estudo Eletrofisiológico (EEF), devido a extensão e gravidade da doença, sob o risco de síncope e óbito".


Agravo de instrumento n. 0000210-77.2014.8.22.0000

Assessoria de Comunicação Institucional

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 10:01:00

Sexta Turma determina prisão imediata de condenado por estupro de menores

Ao analisar o recurso de um homem condenado por estuprar diversas vezes, ao longo de 22 meses, duas crianças de dez e seis anos, filhas de sua ex-empregada doméstica...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:59:00

Menor sob guarda tem direito a receber pensão em caso de morte do tutor

O menor sob guarda tem direito a receber o benefício de pensão por morte em caso de falecimento de seu tutor, uma vez que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) prevalece sobre a Lei Geral da Previdência Social...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:58:00

Médico condenado por falsificar atestados para saque do FGTS tem recurso rejeitado

A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou recurso de um médico condenado a dois anos de reclusão por estelionato, por emitir falsos atestados utilizados para saque indevido do FGTS.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:10:00

Emeron condecora ex-diretores com medalha César Montenegro

A outorga faz parte das comemorações de 30 anos da Emeron.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:05:00

Corregedoria-Geral da Justiça faz balanço da Justiça Rápida Itinerante

A Corregedoria Geral da Justiça de Rondônia divulga os dados da Operação Justiça Rápida Itinerante, que concluiu o ano de 2016 com mais de quatro mil atendimentos em todo o Estado e em mais de 25 localidades.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:02:00

Projeto de apadrinhamento de crianças será implantado em Guajará-Mirim

O projeto foi instituído pela Corregedoria-Geral da Justiça através do Provimento n.º 014/2014-CG, normatizando-o para todo o Estado de Rondônia.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 08:46:00

MP ingressa no Judiciário para obrigar Município de Rolim de Moura a regularizar abastecimento de medicamentos no Hospital Municipal

A liminar foi negada, mas o MP já anunciou que recorrerá da decisão.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 09/12/2016 ás 16:21:00

A Justiça do Trabalho na contramão da valorização à Advocacia

Por Zênia Cernov

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 09/12/2016 ás 11:10:00

Curso de práticas em benefícios assistenciais é realizado na OAB/RO

O curso, ministrado pelo advogado e professor de Direito Previdenciário Rodrigo Telles...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 09/12/2016 ás 11:09:00

OAB/RO realiza sessão de acolhimento e entrega de credenciais ao jovem advogado na segunda-feira (12)

A última solenidade de entrega de credenciais em 2016 será às 19h30, após as atividades que irão acontecer durante o dia.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2014 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com