18/06/2013 - 16h47min - Atualizado em 18/06/2013 - 16h47min

Para votar em 2014, é necessário requerer título eleitoral até 7 de maio

Aqueles que já possuem o título mas mudaram de residência também devem procurar o cartório eleitoral até essa data para pedir a transferência de domicílio.

Em 5 de outubro do ano que vem, os brasileiros vão às urnas para escolher presidente da República, governadores, senadores e deputados federais e estaduais ou distritais. Para votar no pleito de 2014, quem ainda não pediu a inscrição eleitoral tem até 7 de maio do próximo ano para procurar o cartório.

Aqueles que já possuem o título mas mudaram de residência também devem procurar o cartório eleitoral até essa data para pedir a transferência de domicílio. Dia 5 de outubro também é o último dia para que o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicite sua transferência para uma seção eleitoral especial.

O voto no Brasil é obrigatório para quem tem de 18 a 70 anos. A Constituição Federal faculta a inscrição e a votação a quem tem 16 e 17 anos, aos que têm mais de 70 anos e aos analfabetos.

Quem não estiver em dia com a Justiça Eleitoral pode ficar sujeito a alguns impedimentos, correndo o risco de não poder tomar posse em órgão público e obter empréstimos em estabelecimento de crédito mantido pelo governo, entre outros. No entanto, como explica o secretário da Corregedoria-Geral Eleitoral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Sergio Dias Cardoso, o maior impedimento para quem não tiver a inscrição eleitoral é não poder participar da escolha de seus representantes. “A inscrição eleitoral é a porta de entrada para a cidadania. Sem o título, não há como exercer o direito de escolher os seus representantes”, destaca o secretário.

Jovens
Sergio lembra aos jovens que, de acordo com levantamento do TSE sobre o perfil do eleitorado, nos últimos dias de inscrição dos anos anteriores, mais de 50% do atendimento foi destinado aos que tiraram o título pela primeira vez. Por isso, para que se evitem filas, quem tem 16 e 17 anos e deseja votar em 2014 deve requerer o seu título o quanto antes.

Título
Para facilitar e agilizar a emissão do título, os cidadãos podem iniciar a inscrição eleitoral no Portal do TSE, por meio do Título Net, que é um pré-atendimento. No entanto, para efetivar a inscrição e receber o documento impresso, é necessário comparecer ao cartório eleitoral que atenda a área de residência no prazo de até cinco dias corridos após a data de preenchimento do formulário pela internet ou na data do agendamento, caso o interessado faça esta opção. Caso o eleitor não tenha acesso à internet, pode dirigir-se diretamente ao cartório.

Quando do comparecimento ao cartório, é necessário apresentar: o número do protocolo gerado pelo Título Net; um documento oficial de identificação pessoal contendo, no mínimo, nome, filiação, data de nascimento e nacionalidade (não serão aceitos a Carteira Nacional de Habilitação nem o novo modelo de passaporte por não conterem, respectivamente, nacionalidade / naturalidade e filiação); um comprovante de residência; e o comprovante de quitação militar (obrigatório a partir de 30 de junho do ano em que completar 18 anos).

Transferência de domicílio
Para transferir o local de votação, o eleitor que mudou de endereço deve seguir os mesmos passos da inscrição eleitoral e estar quite com a Justiça Eleitoral, ou seja, tem que apresentar os comprovantes de votação das eleições anteriores.

Recadastramento Biométrico
Já os eleitores das 490 cidades que identificarão os seus votantes por meio das digitais em 2014 têm de comparecer ao cartório eleitoral para fazer o recadastramento biométrico, de acordo com o calendário de seu município. Caso contrário, terá o seu título cancelado.

Para reaver o título, o eleitor que não comparecer à cidade onde vota e quiser continuar votando naquele local terá de ir ao seu cartório de origem até 7 de maio de 2014. Se o eleitor não puder ir à cidade onde vota, deve pedir a transferência do seu local de votação para o município onde estiver estabelecido. Após 7 de maio, não será mais possível regularizar a situação nem votar nas Eleições 2014.

O título do eleitor que não se recadastrar será cancelado porque o recadastramento biométrico não objetiva somente coletar as digitais para identificação no dia da eleição. No momento do recadastramento, faz-se também uma revisão eleitoral e todos os dados do eleitor são atualizados.

Clique aqui para saber se a sua cidade terá recadastramento biométrico e confira tudo sobre biometria.

TSE

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Avatar de JAIR

Postado por JAIR em 20/06/2013 às 19:18

Deveria sim, haver mudanças breves e justas no processo eleitoral,aceitar doações para campanha eleitoral é "formação de quadrilha"

187.6.94.67

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
GERAL | matéria escrita em 27/04/2015 ás 11:28:00

Sepog realiza Semana da Saúde para atender servidores do Palácio Rio Madeira

O evento, realizado todos os anos pela Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), inicia no dia 5 de maio, no próprio palácio, e prossegue até o dia 8.

GERAL | matéria escrita em 27/04/2015 ás 11:26:00

Programa de Aquisição de Alimentos 2015 é lançado em Colorado do Oeste

O PAA é desenvolvido pelo governo federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e Ministério de Desenvolvimento Social (MDS), em parceria com o governo do Estado de Rondônia.

GERAL | matéria escrita em 27/04/2015 ás 11:21:00

Governo e instituições definem ações sociais e de saúde nas comunidades terapêuticas de Porto Velho

Os internos das instituições Giliard, Confrontando Gigantes, Apatox e Refúgio Canaã serão os primeiros a receber, na fase inicial do Projeto, atendimentos psicossocial, médico, odontológico, aferição de pressão arterial e ...

GERAL | matéria escrita em 27/04/2015 ás 11:16:00

Rondônia é o 12º produtor nacional de mandioca; Emater apóia mais de dez mil famílias produtoras

No cômputo nacional das safras rondonienses, a mandioca está à da frente da soja (14º), milho e feijão (18º) e banana (19º).

GERAL | matéria escrita em 27/04/2015 ás 11:12:00

Malária tem que ter diagnóstico perfeito, alerta Agência Estadual de Vigilância em Saúde

A boa notícia: o percentual rondoniense de malária baixou.

GERAL | matéria escrita em 27/04/2015 ás 11:07:00

Governo de Rondônia inaugura Parque Açaí e transfere espaço para a prefeitura de Ariquemes

O Projeto Canal da Cidadania foi idealizado pelo governador Confúcio Moura e tem por objetivo revitalizar regiões pouco valorizadas nas periferias das cidades, a exemplo da área onde foi construído o Parque Açaí.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/04/2015 ás 10:55:00

Reformada decisão que considerou abusivo aumento de plano de saúde em razão da idade

Noronha afirmou que a discriminação, fomentada pelo preconceito, é ato coibido pelo ordenamento jurídico, mas no caso dos reajustes de planos de saúde não se está onerando uma pessoa pelo simples fato de ser idosa...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/04/2015 ás 10:52:00

Divulgação de pesquisa sobre preferência de leitores não gera dano moral a jornal citado

A editora jornalística que ajuizou a ação por danos morais sustentou não ter autorizado a menção ao seu nome, muito menos a divulgação do desempenho que lhe foi atribuído na pesquisa.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/04/2015 ás 10:46:00

ESPECIAL - O encontro fortuito de provas na jurisprudência do STJ

A descoberta de provas ao acaso tem sido valiosa para as autoridades policiais desvendarem a ação criminosa. Um exemplo recente é a operação Lava Jato.

GERAL | matéria escrita em 27/04/2015 ás 10:37:00

Lutando pela vida, homem precisa de ajuda para tratar câncer no fígado

Para fazer o tratamento em São Paulo, ele precisa de apoio para custear as despesas, já que o Tratamento Fora do Domicílio (TFD) não cobre os gastos do acompanhante.

POLíTICA | matéria escrita em 27/04/2015 ás 10:22:00

Luiz Cláudio garante carteira de habilitação as pessoas de baixa renda

O parlamentar apresentou a Lei 3017/2013 que trata do Programa popular de formação, qualificação e habilitação profissional de condutores de veículos automotores e escola pública estadual de trânsito de Rondônia.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/04/2015 ás 10:01:00

Prerrogativas: Rondônia é modelo nacional

Por Andrey Cavalcante

POLíTICA | matéria escrita em 27/04/2015 ás 08:58:00

Com aprofundamento de investigações a corrupção com emendas parlamentares podem estar com os dias contados

Os contumazes nesse ramo ilícito que aportaram no Congresso Nacional , fiquem bem espertos porque a Polícia Federal, CGU e MPF estão acompanhando as Emendas Parlamentares.

POLíTICA | matéria escrita em 25/04/2015 ás 13:30:00

Laerte requer informações de contratação de serviços

De acordo com Laerte Gomes , é necessário fazer o levantamento dos serviços prestados pela empresa Lumiar, no período de 2011 e 2015.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2013 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com