18/06/2013 - 16h47min - Atualizado em 18/06/2013 - 16h47min

Para votar em 2014, é necessário requerer título eleitoral até 7 de maio

Aqueles que já possuem o título mas mudaram de residência também devem procurar o cartório eleitoral até essa data para pedir a transferência de domicílio.

Em 5 de outubro do ano que vem, os brasileiros vão às urnas para escolher presidente da República, governadores, senadores e deputados federais e estaduais ou distritais. Para votar no pleito de 2014, quem ainda não pediu a inscrição eleitoral tem até 7 de maio do próximo ano para procurar o cartório.

Aqueles que já possuem o título mas mudaram de residência também devem procurar o cartório eleitoral até essa data para pedir a transferência de domicílio. Dia 5 de outubro também é o último dia para que o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicite sua transferência para uma seção eleitoral especial.

O voto no Brasil é obrigatório para quem tem de 18 a 70 anos. A Constituição Federal faculta a inscrição e a votação a quem tem 16 e 17 anos, aos que têm mais de 70 anos e aos analfabetos.

Quem não estiver em dia com a Justiça Eleitoral pode ficar sujeito a alguns impedimentos, correndo o risco de não poder tomar posse em órgão público e obter empréstimos em estabelecimento de crédito mantido pelo governo, entre outros. No entanto, como explica o secretário da Corregedoria-Geral Eleitoral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Sergio Dias Cardoso, o maior impedimento para quem não tiver a inscrição eleitoral é não poder participar da escolha de seus representantes. “A inscrição eleitoral é a porta de entrada para a cidadania. Sem o título, não há como exercer o direito de escolher os seus representantes”, destaca o secretário.

Jovens
Sergio lembra aos jovens que, de acordo com levantamento do TSE sobre o perfil do eleitorado, nos últimos dias de inscrição dos anos anteriores, mais de 50% do atendimento foi destinado aos que tiraram o título pela primeira vez. Por isso, para que se evitem filas, quem tem 16 e 17 anos e deseja votar em 2014 deve requerer o seu título o quanto antes.

Título
Para facilitar e agilizar a emissão do título, os cidadãos podem iniciar a inscrição eleitoral no Portal do TSE, por meio do Título Net, que é um pré-atendimento. No entanto, para efetivar a inscrição e receber o documento impresso, é necessário comparecer ao cartório eleitoral que atenda a área de residência no prazo de até cinco dias corridos após a data de preenchimento do formulário pela internet ou na data do agendamento, caso o interessado faça esta opção. Caso o eleitor não tenha acesso à internet, pode dirigir-se diretamente ao cartório.

Quando do comparecimento ao cartório, é necessário apresentar: o número do protocolo gerado pelo Título Net; um documento oficial de identificação pessoal contendo, no mínimo, nome, filiação, data de nascimento e nacionalidade (não serão aceitos a Carteira Nacional de Habilitação nem o novo modelo de passaporte por não conterem, respectivamente, nacionalidade / naturalidade e filiação); um comprovante de residência; e o comprovante de quitação militar (obrigatório a partir de 30 de junho do ano em que completar 18 anos).

Transferência de domicílio
Para transferir o local de votação, o eleitor que mudou de endereço deve seguir os mesmos passos da inscrição eleitoral e estar quite com a Justiça Eleitoral, ou seja, tem que apresentar os comprovantes de votação das eleições anteriores.

Recadastramento Biométrico
Já os eleitores das 490 cidades que identificarão os seus votantes por meio das digitais em 2014 têm de comparecer ao cartório eleitoral para fazer o recadastramento biométrico, de acordo com o calendário de seu município. Caso contrário, terá o seu título cancelado.

Para reaver o título, o eleitor que não comparecer à cidade onde vota e quiser continuar votando naquele local terá de ir ao seu cartório de origem até 7 de maio de 2014. Se o eleitor não puder ir à cidade onde vota, deve pedir a transferência do seu local de votação para o município onde estiver estabelecido. Após 7 de maio, não será mais possível regularizar a situação nem votar nas Eleições 2014.

O título do eleitor que não se recadastrar será cancelado porque o recadastramento biométrico não objetiva somente coletar as digitais para identificação no dia da eleição. No momento do recadastramento, faz-se também uma revisão eleitoral e todos os dados do eleitor são atualizados.

Clique aqui para saber se a sua cidade terá recadastramento biométrico e confira tudo sobre biometria.

TSE

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Avatar de JAIR

Postado por JAIR em 20/06/2013 às 19:18

Deveria sim, haver mudanças breves e justas no processo eleitoral,aceitar doações para campanha eleitoral é "formação de quadrilha"

187.6.94.67

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíCIA | matéria escrita em 28/02/2015 ás 13:06:00

PM reforça policiamento no Espaço Alternativo

O policiamento será feito em várias modalidades: ciclo patrulha, rádio patrulha, patrulhas táticos móveis PATAMO, policiamento com Motocicletas e a pé.

GERAL | matéria escrita em 28/02/2015 ás 09:36:00

Estação de Tratamento de Esgoto instalada em Cacaulândia passa por testes

O investimento viabilizado pela Funasa, através de convênio, somente nessa obra, ultrapassa R$ 10 milhões.

GERAL | matéria escrita em 28/02/2015 ás 08:48:00

MPF em Rondônia investiga possível assédio sexual a estudantes do IFRO

Os fatos foram apurados em inquérito da Polícia Federal.

GERAL | matéria escrita em 28/02/2015 ás 08:33:00

Rondônia: MPF investiga denúncia de desvio de dinheiro e corrupção no programa Minha Casa, Minha Vida

A investigação foi determinada, por meio de portaria, pelo procurador da República Jairo da Silva, que considerou graves os fatos relatados na denúncia.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/02/2015 ás 07:24:00

Abertura do Mês da Mulher no Judiciário de RO será em Ji-Paraná

O simpósio “Paz em Casa” será realizado no auditório do SEJUSC.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/02/2015 ás 07:21:00

Escritório Digital, plataforma integrada do PJe, entra em teste

O projeto está sendo desenvolvido desde dezembro em parceria entre as duas instituições. Na reunião de quinta-feira (26), foi apresentado o protótipo da plataforma.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/02/2015 ás 07:19:00

OAB lança campanha em defesa do Exame de Ordem

Leia, abaixo, o texto da campanha pela manutenção do Exame de Ordem, elaborado pela diretoria nacional da OAB.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/02/2015 ás 07:13:00

Com avanços para a advocacia pública, novo Código de Processo Civil foi para sanção presidencial

Uma alteração importante no texto do código obtida pelo grupo de trabalho da AGU, por exemplo, é a que diz respeito ao pagamento de honorários advocatícios.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/02/2015 ás 07:11:00

Cooperativa é condenada por usar extratos bancários de empregado como prova na JT

Em 2008, a cooperativa juntou os extratos bancários do trabalhador em uma reclamação trabalhista com o objetivo de comprovar o pagamento de despesas com a utilização de veículo particular em serviço.

GERAL | matéria escrita em 28/02/2015 ás 07:06:00

Cartilha apresenta novas regras do seguro-desemprego e do abono salarial

As alterações no seguro-desemprego foram anunciadas em dezembro do ano passado e começam a valer para quem for demitido a partir deste sábado (28).

POLíTICA | matéria escrita em 28/02/2015 ás 06:55:00

Votação da reforma política deve começar na próxima semana no Senado

Alguns pontos que serão colocados imediatamente em votação, como a desincompatibilização dos cargos do Executivo para se candidatarem à reeleição e o fim do voto proporcional para vereadores e deputados em cidades com mais de 200 mil habitantes.

GERAL | matéria escrita em 28/02/2015 ás 06:52:00

Inscrições para o Prêmio CNI de Jornalismo 2015 vão até 27 de maio

Podem concorrer trabalhos jornalísticos veiculados em jornais, revistas, TVs, rádios, sites e blogs entre os dias 1º de junho de 2014 e 25 de maio deste ano.

GERAL | matéria escrita em 28/02/2015 ás 06:49:00

União e estados querem promover mudanças na legislação para enfrentar crime organizado

Ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, comandou a reunião com secretários de Segurança de todos os estados para discutir ações de combate ao crime organizado.

GERAL | matéria escrita em 28/02/2015 ás 06:47:00

Meninas de unidades socioeducativas de Porto Velho contam que querem vida nova

Em Rondônia, houve avanços nas propostas socioeducativas, explica Otacílio Guimarães, gerente-geral do Sistema de Atendimento ao Adolescente em Conflito com a Lei.

POLíCIA | matéria escrita em 28/02/2015 ás 06:46:00

Integração de dados das polícias e Corpo de Bombeiros vai agilizar registro de ocorrências em Rondônia

Registro de boletim de ocorrência será unificado.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2013 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com