18/06/2013 - 16h47min - Atualizado em 18/06/2013 - 16h47min

Para votar em 2014, é necessário requerer título eleitoral até 7 de maio

Aqueles que já possuem o título mas mudaram de residência também devem procurar o cartório eleitoral até essa data para pedir a transferência de domicílio.

Em 5 de outubro do ano que vem, os brasileiros vão às urnas para escolher presidente da República, governadores, senadores e deputados federais e estaduais ou distritais. Para votar no pleito de 2014, quem ainda não pediu a inscrição eleitoral tem até 7 de maio do próximo ano para procurar o cartório.

Aqueles que já possuem o título mas mudaram de residência também devem procurar o cartório eleitoral até essa data para pedir a transferência de domicílio. Dia 5 de outubro também é o último dia para que o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicite sua transferência para uma seção eleitoral especial.

O voto no Brasil é obrigatório para quem tem de 18 a 70 anos. A Constituição Federal faculta a inscrição e a votação a quem tem 16 e 17 anos, aos que têm mais de 70 anos e aos analfabetos.

Quem não estiver em dia com a Justiça Eleitoral pode ficar sujeito a alguns impedimentos, correndo o risco de não poder tomar posse em órgão público e obter empréstimos em estabelecimento de crédito mantido pelo governo, entre outros. No entanto, como explica o secretário da Corregedoria-Geral Eleitoral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Sergio Dias Cardoso, o maior impedimento para quem não tiver a inscrição eleitoral é não poder participar da escolha de seus representantes. “A inscrição eleitoral é a porta de entrada para a cidadania. Sem o título, não há como exercer o direito de escolher os seus representantes”, destaca o secretário.

Jovens
Sergio lembra aos jovens que, de acordo com levantamento do TSE sobre o perfil do eleitorado, nos últimos dias de inscrição dos anos anteriores, mais de 50% do atendimento foi destinado aos que tiraram o título pela primeira vez. Por isso, para que se evitem filas, quem tem 16 e 17 anos e deseja votar em 2014 deve requerer o seu título o quanto antes.

Título
Para facilitar e agilizar a emissão do título, os cidadãos podem iniciar a inscrição eleitoral no Portal do TSE, por meio do Título Net, que é um pré-atendimento. No entanto, para efetivar a inscrição e receber o documento impresso, é necessário comparecer ao cartório eleitoral que atenda a área de residência no prazo de até cinco dias corridos após a data de preenchimento do formulário pela internet ou na data do agendamento, caso o interessado faça esta opção. Caso o eleitor não tenha acesso à internet, pode dirigir-se diretamente ao cartório.

Quando do comparecimento ao cartório, é necessário apresentar: o número do protocolo gerado pelo Título Net; um documento oficial de identificação pessoal contendo, no mínimo, nome, filiação, data de nascimento e nacionalidade (não serão aceitos a Carteira Nacional de Habilitação nem o novo modelo de passaporte por não conterem, respectivamente, nacionalidade / naturalidade e filiação); um comprovante de residência; e o comprovante de quitação militar (obrigatório a partir de 30 de junho do ano em que completar 18 anos).

Transferência de domicílio
Para transferir o local de votação, o eleitor que mudou de endereço deve seguir os mesmos passos da inscrição eleitoral e estar quite com a Justiça Eleitoral, ou seja, tem que apresentar os comprovantes de votação das eleições anteriores.

Recadastramento Biométrico
Já os eleitores das 490 cidades que identificarão os seus votantes por meio das digitais em 2014 têm de comparecer ao cartório eleitoral para fazer o recadastramento biométrico, de acordo com o calendário de seu município. Caso contrário, terá o seu título cancelado.

Para reaver o título, o eleitor que não comparecer à cidade onde vota e quiser continuar votando naquele local terá de ir ao seu cartório de origem até 7 de maio de 2014. Se o eleitor não puder ir à cidade onde vota, deve pedir a transferência do seu local de votação para o município onde estiver estabelecido. Após 7 de maio, não será mais possível regularizar a situação nem votar nas Eleições 2014.

O título do eleitor que não se recadastrar será cancelado porque o recadastramento biométrico não objetiva somente coletar as digitais para identificação no dia da eleição. No momento do recadastramento, faz-se também uma revisão eleitoral e todos os dados do eleitor são atualizados.

Clique aqui para saber se a sua cidade terá recadastramento biométrico e confira tudo sobre biometria.

TSE

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Avatar de JAIR

Postado por JAIR em 20/06/2013 às 19:18

Deveria sim, haver mudanças breves e justas no processo eleitoral,aceitar doações para campanha eleitoral é "formação de quadrilha"

187.6.94.67

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 10/12/2016 ás 10:13:00

Governo oferece cooperação técnica aos novos prefeitos de Rondônia

Os novos gestores, que assumirão em janeiro as prefeituras de Porto Velho, Ariquemes, Jaru, Ouro Preto, Rolim de Moura, Ji-Paraná, Vilhena , Buritis, Cacoal e Pimenta Bueno são estratégicos para Rondônia.

GERAL | matéria escrita em 10/12/2016 ás 10:10:00

Público pode escolher o melhor atleta de 2016 para o Prêmio Esporte Rondônia; veja como participar

As inscrições para as federações inscreverem os atletas ficaram abertas de  7 a 18 de novembro.

GERAL | matéria escrita em 10/12/2016 ás 10:08:00

Governo de Rondônia promove II Workshop de Ciência, Tecnologia e Inovação; evento será realizado segunda, 12

Segundo o presidente da Fundação de Amparo ao Desenvolvimento das Ações Científicas e Tecnológicas e à Pesquisa do Estado de Rondônia (Fapero).

GERAL | matéria escrita em 10/12/2016 ás 10:05:00

Laboratório do Hospital João Paulo II realiza mais de 30 mil exames mensais

Mais de 40 profissionais são responsáveis pelo atendimento na unidade.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 10:01:00

Sexta Turma determina prisão imediata de condenado por estupro de menores

Ao analisar o recurso de um homem condenado por estuprar diversas vezes, ao longo de 22 meses, duas crianças de dez e seis anos, filhas de sua ex-empregada doméstica...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:59:00

Menor sob guarda tem direito a receber pensão em caso de morte do tutor

O menor sob guarda tem direito a receber o benefício de pensão por morte em caso de falecimento de seu tutor, uma vez que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) prevalece sobre a Lei Geral da Previdência Social...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:58:00

Médico condenado por falsificar atestados para saque do FGTS tem recurso rejeitado

A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou recurso de um médico condenado a dois anos de reclusão por estelionato, por emitir falsos atestados utilizados para saque indevido do FGTS.

POLíTICA | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:48:00

Agora Hildon Chaves tem o desafio de fugir da vala comum

Gessi Taborda

GERAL | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:46:00

Estudantes de escola municipal participam de aula prática sobre trânsito em Porto Velho

Nesta sexta-feira (09) o encerramento foi na Escola Municipal Ely Bezerra Salles,localizada no bairro Marcos Freire para cerca de 45 crianças de 4º e 5º ano do ensino fundamental. 

GERAL | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:40:00

Duas lojas inauguram esse fim de semana no Porto Velho Shopping

Anacapri já está aberta nesta sexta-feira (9) e We Like abre no sábado (10).

POLíCIA | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:35:00

Homem é executado em Candeias do Jamari

Enilson Pereira Feitosa, 29 anos, foi executado com um tiro nas costas no final da noite de sexta-feira (09).

GERAL | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:32:00

Fecomércio-RO, apoia o CDL na realização de mais um Domingão

Com o apoio da Fecomércio-RO, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Velho (CDL) realiza no próximo domingo, mais uma etapa do “Domingão”.

GERAL | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:26:00

TCE divulga índice de efetividade de gestão dos municípios rondonienses

De acordo com os dados, 8 municípios rondonienses conseguiram chegar ao nível “efetivo”, enquanto 24 foram considerados “em fase de adequação” e 18 com “baixo nível de adequação”.

GERAL | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:19:00

​Amdepro participa de reunião e garante apoio ao projeto Rondônia pela Educação

Entre os propósitos do projeto estão zerar o analfabetismo entre os trabalhadores de Rondônia.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 10/12/2016 ás 09:10:00

Emeron condecora ex-diretores com medalha César Montenegro

A outorga faz parte das comemorações de 30 anos da Emeron.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2013 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com