/ geral / iptu

09/12/2013 - 16h41min - Atualizado em 09/12/2013 - 16h41min

Porto Velho: Semfaz divulga atualização do valor do IPTU para 2014

No caso do ano de 2013, a arrecadação do IPTU superou a expectativa.

Porto Velho, Rondônia - A atualização anual do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) no município de Porto Velho acontece em conformidade à Lei Complementar 199/2004. Para o caso dos imóveis edificados, que se constituem na parte mais expressiva do total da arrecadação, a base de cálculo para os valores é composta pela alíquota de 0,5 % do valor venal dos imóveis, para a qual podem ser aplicados percentuais redutores, e pela Unidade de Padrão Fiscal (UPF) relativa ao período passado desde a última atualização. No exercício de 2014 a atualização será correspondente a 11,71%.

De acordo com Adão Colombo, diretor em exercício da Divisão de Administração de Tributos da Secretaria Municipal de Fazenda (DAT/Semfaz), a base de cálculo para depreensão do valor venal dos imóveis em Porto Velho está defasada em função da Planta Genérica de Valores (PGV) ter sido atualizada pela última vez em 2003. Para atualizar a PGV é preciso imagens aéreas de toda a cidade, segundo um processo de fotos em alta definição chamado de aerofotogrametria. É por meio dessas imagens que são verificadas as mudanças ocorridas nos imóveis e são analisadas suas áreas construídas de acordo com os valores atualizados pelo mercado imobiliário.

Em 2003, quando ocorreu a última atualização da PGV, foi adotado um percentual redutor na Base de 35%, porque naquele momento o IPTU passava a ficar muito alto em relação ao ano anterior. Assim, de ano a ano o redutor deveria diminuir, até que não fosse mais adotado. Um imóvel no valor de R$ 100.000,00, por exemplo, passava a ser avaliado para efeitos de tributação por R$ 65.000,00. A cada ano o índice redutor deveria abaixar até que o imóvel pudesse ser considerado de acordo com a realidade demonstrada na PGV de 2003. À Semfaz caberia levar anualmente à Câmara Municipal um anteprojeto de lei propondo qual seria a taxa de redução. No caso do lançamento de 2014, o redutor deveria estar zerado, mas o prefeito, porém, pediu a manutenção do índice redutor em 5%.

Quanto ao percentual relativo à UPF, o calculo é feito pela média do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no período passado desde a última verificação até a data de lançamento do próximo período. Para o exercício de 2014, considerando-se a data de novembro de 2012 a outubro de 2013, o índice encontrado foi de 5,83%. O secretário da Semfaz, Marcelo Siqueira, explicou que a adequação aos diversos casos específicos para a cobrança do IPTU possibilitou o resultado geral de 11,83%.

No caso do ano de 2013, a arrecadação do IPTU superou a expectativa. O valor orçado era de 11,59 milhões, mas em outubro já se verificava uma arrecadação superior a 12 milhões. “O pagamento desse imposto é uma obrigação dos cidadãos. Em todo o território nacional ele é cobrado pelos municípios. Embora ainda tenhamos um índice muito alto de inadimplência, percebemos que em Porto Velho as pessoas estão se tornando mais conscientes de suas obrigações. Isso é bom para o município, mas também é bom para os contribuintes que não passa a acumular juros e multas aos seus impostos”, observou Adão Colombo.

De acordo com o secretário da Semfaz, os carnês do IPTU 2014 já foram licitados e, até a primeira quinzena de janeiro, deverão estar todos entregues nas residências. Nos primeiros dias de janeiro estarão também disponíveis pela WEB os valores relativos a cada imóvel. “Neste ano, a arrecadação foi quase maior pela WEB. Sabemos que esse é o melhor meio para arrecadação, porque ajuda ao contribuinte que não precisa mais se deslocar e vir à Semfaz, entrar em filas e esperar pelo atendimento. Contudo, de acordo com lei, a notificação do IPTU ocorre com a entrega dos carnês, essa é a forma oficial de notificação pessoal, de forma que não é pensado, ao menos por enquanto, a não emissão de carnês”, explicou Siqueira, que também informou que para o exercício de 2015 deverá haver mudanças na cobrança do imposto, porque uma nova Planta Genérica de Valores (PGV) deverá ser efetuada durante 2014, o que fará com que os valores venais sejam atualizados de acordo com as mudanças acontecidas na cidade e com a realidade do mercado imobiliário.

Por Renato Menghi

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
GERAL | matéria escrita em 03/03/2015 ás 17:38:00

Projeto Meninos do Vila ganha força em Rondônia

“O projeto é aberto e com o intuito de buscar talentos em Rondônia. Aqueles que fizeram foram aprovados”.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 03/03/2015 ás 17:28:00

MPRO participa de reunião no CNPG sobre criação de Comissão de Acompanhamento de Audiências de Custódia

O projeto “Audiência de Custódia” consiste na criação de uma estrutura multidisciplinar nos Tribunais de Justiça que receberá presos em flagrante para uma primeira análise sobre o cabimento e a necessidade de manutenção dessa prisão...

POLíTICA | matéria escrita em 03/03/2015 ás 17:18:00

Lideranças de Guajará apresentam reivindicações ao Dr. Neidson

Falta de estrutura no município leva vereadores a pedir a deputado que interceda junto ao Executivo.

POLíTICA | matéria escrita em 03/03/2015 ás 16:57:00

Pimentel deveria ser mágico e escrever um livro, “a arte de iludir”, porque a saúde continua caótica

Secretário que surgiu como “salvador” deixou Porto Velho sem UPAs e não consegue manter medicamentos básicos na rede de saúde.

GERAL | matéria escrita em 03/03/2015 ás 16:22:00

Audiência pública coordenada pelo MP resulta em compromisso por melhoria no fornecimento de energia em Machadinho

Mais de 700 pessoas compareceram à reunião, que também teve a presença de representantes da Ceron/Eletrobras, Caerd, Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores, Defensoria Pública, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e Polícia Militar.

POLíTICA | matéria escrita em 03/03/2015 ás 16:16:00

Relator da reforma política defende sistema misto para eleição de deputados

Pela proposta do relator, metade dos deputados seria eleita pelo sistema majoritário distrital (em que cada estado é dividido em distritos, e os candidatos com o maior número de votos em cada distrito são eleitos)...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 03/03/2015 ás 16:09:00

Emeron inicia ano letivo com palestras sobre modernização e vocação

Durante o discurso, Jorge Luiz ressaltou que a demanda processual está muito acima das atividades operacionais da magistratura brasileira.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 03/03/2015 ás 16:07:00

Fazendeiro é absolvido de acidente em que trabalhador levou coice de vaca

O trabalhador descreveu que fraturou o braço esquerdo e ficou incapacitado para o trabalho de forma total e permanente quando, ao desamarrar as patas de uma vaca após a ordenha, foi atingido por um coice.

GERAL | matéria escrita em 03/03/2015 ás 16:05:00

Agentes de Saude de Pimenta Bueno trabalham em 100% com tablets

Pimenta Bueno, que utiliza mobilidade desde outubro de 2014, foi a primeira cidade do norte de Rondônia a utilizar as soluções móveis.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 03/03/2015 ás 16:01:00

Empregada será indenizada por participação obrigatória em rituais motivacionais

A auxiliar disse que os "rituais" aconteciam na reunião no início da jornada. Quando seu chefe achava que o rebolado não estava bom, mandava que ela repetisse até ficar satisfeito, o que a ridicularizava ainda mais perante os colegas.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 03/03/2015 ás 15:58:00

O que são os precatórios?

Os precatórios alimentares têm preferência sobre os comuns, com organização de fila por ordem cronológica a cada ano.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 03/03/2015 ás 15:57:00

OAB lança campanha em defesa do Exame de Ordem

Leia, abaixo, o texto da campanha pela manutenção do Exame de Ordem, elaborado pela diretoria nacional da OAB:

GERAL | matéria escrita em 03/03/2015 ás 15:49:00

Prefeitura vai entregar mais de 20 mil mudas de café aos produtores de Extrema

A recuperação das estradas rurais no Município, também sob a responsabilidade da Semagric, continua de forma intensa.

GERAL | matéria escrita em 03/03/2015 ás 15:47:00

Centro de Referência oferece atendimento multidisciplinar para mulheres vítimas de violência doméstica

Em busca de ações efetivas que promovam o fortalecimento dos direitos das mulheres, o Centro de Referência Municipal também participa da Rede de enfrentamento e atendimento à mulher vítima de violência.

GERAL | matéria escrita em 03/03/2015 ás 15:44:00

Prefeito Mauro Nazif vistoria obra de pavimentação no Alphaville

Os serviços estão concentrados na Décima Avenida, mas passará também pelas ruas Caju e Silvânia.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2013 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com