21/01/2013 - 10h31min - Atualizado em 21/01/2013 - 10h31min

Prefeitura de Porto Velho beneficia 82 famílias com entrega de imóveis do Minha Casa Minha Vida

Para receber as chaves dos imóveis do conjunto Cidade de Todos II, no bairro Socialista, as famílias participaram de um sorteio realizado pela prefeitura em outubro de 2011.

Porto Velho, Rondônia - Oitenta e duas famílias que moravam em áreas de risco ou não tinham onde habitar, desde o último sábado,19, passaram a residir em um local mais digno. Elas foram as primeiras de um grupo de 716 que receberão imóveis pelo programa Minha Casa Minha Vida I, do governo federal, executado em Porto Velho pela prefeitura da capital.

Para receber as chaves dos imóveis do conjunto Cidade de Todos II, no bairro Socialista, as famílias participaram de um sorteio realizado pela prefeitura em outubro de 2011. As mais de 700 residências foram disputadas por mais de 11 mil famílias, que após averiguados os critérios de seleção, foram consideradas aptas a participarem do sorteio.

A solenidade de entrega das chaves foi coordenada pelo prefeito Mauro Nazif que estava acompanhado do vice-prefeito, Dalton di Franco, do secretário Christian Camurça, da Secretaria Municipal de Regularização Fundiária e Habitação (Semur), do governador Confúcio Moura, e do deputado federal Nilton Capixaba (PTB/RO).

Também participaram do evento o gerente regional da Caixa Econômica Federal, Wilson Alves e os vereadores Cabo Anjos (PDT), Chico Lata (PP), Marcio do Sitetuperon (PSB), Ellis Regina (PC do B), Aelcio da TV (PP), Dindim (PSL) e Fogaça PTB).

Esforço
O prefeito Mauro Nazif agradeceu o empenho da equipe da Semur para que as famílias não tivessem o sonho da casa própria frustrado por causa de problemas de última hora e todo o esforço para que a data da entrega das unidades habitacionais não fosse novamente mudada. Os moradores já eram para estar ocupando as casas desde o segundo semestre de 2011. “Temos em Porto Velho mais de trinta mil famílias sem casa e nossa missão é reduzir esse déficit habitacional garantindo moradia digna a quem realmente merece. A prefeitura está ombreada com o governo do estado e com o governo federal na busca de ampliar a oferta de moradia às famílias que não têm onde morar”, disse o prefeito.

O vice-prefeito Dalto di Franco falou da alegria estampada no rosto das pessoas que estavam prestes a receber a casa própria e também da burocracia que muita das vezes faz com que o processo seja demorado. “Nossa vontade era fazer a entrega imediatamente, mas a prefeitura tem que seguir os trâmites para quando a casa for entregue ela esteja toda documentada e a pessoa beneficiada tenha a garantia de que aquele imóvel é realmente seu”, afirmou o vice-prefeito.

Christian Camurça, da Semur, lembrou do esforço concentrado iniciado pela equipe de transição, para que as famílias beneficiárias não tivessem mais que esperar. Há mais de uma ano que elas aguardavam o momento de receber as chaves para ocupar as casas. “Foi um esforço conjunto que envolveu outras secretarias, como a Semfaz, a Caixa Econômica, a Caerd e a Eletronorte. As dificuldades foram superadas e conseguimos a liberação do Habite-se e a instalação das redes de água e de energia elétrica, entraves que estavam dificultando a liberação das casas para os moradores. Essa foi uma determinação passada pelo prefeito Mauro para acabar com a angústia dessas pessoas”, disse

Fim do Sofrimento

A primeira moradora a receber as chaves das mãos do prefeito Mauro Nazif foi a senhora Maria do Livramento, de 74 anos. Emocionada, ela agradeceu a Deus por ter conseguido o que disse ser uma graça divina. “Só Deus mesmo poderia permitir que eu recebesse essa casa. Agradeço também a prefeitura por ter lembrado de nós, que não tínhamos onde morar. Estou muito feliz. Agora já tenho onde viver com o meu marido”, disse.

Outra sorteada, Tanira Costa, de 72 anos, afirmou que chegou até a desconfiar de que tudo não passava de “embromação”, e quase desistiu de participar do programa. “Já fazia muito tempo que eu estava inscrita e nada de sair as casas. Já estava até desestimulada quando a minha nora me falou que o sorteio ia acontecer. E depois do sorteio tivemos que esperar mais de um ano até chegar este dia”, relembrou.

Sorteada com a casa de número 9497, no Cidade de Todos II, a moradora Ana Célia entrou em sua residência acompanhada do prefeito Mauro Nazif, que fez questão de conhecer a casa que a prefeitura acabava de entregar às famílias sorteadas. Dizendo-se muito feliz e satisfeita com o sonho realizado ela agradeceu pelo imóvel.

“Estou muito feliz e quero agradecer primeiro a Deus por ter conseguido realizar esse sonho e também ao pessoal da prefeitura. Demorou mas, felizmente, tudo acabou bem para nós que já estávamos cansados de esperar”, desabafou.

Critérios

Pelo critério do programa, a destinação das moradias tem que obedecer a uma hierarquização nacional e local com a seguinte distribuição: 3% para idosos; e 6% para pessoas com necessidades especiais. Em seguida vêm o grupo geral que engloba as famílias residentes ou que tenham sido desabrigadas de áreas de riscos ou insalubres; famílias com mulheres responsáveis pelo sustento familiar; famílias inscritas no CADúnico; famílias com maior número de dependentes; e famílias beneficiárias do Bolsa Família.

Em Porto Velho serão construídas 716 unidades habitacionais na primeira fase do Minha Casa Minha Vida. São dois empreendimentos localizados na zona leste, o que Cidade de Todos II, entregue no último sábado, e outro no Jardim Santana.
O número de unidades habitacionais por empreendimento é estabelecido em função da área e do projeto, limitado em 500 unidades por empreendimento. As unidades habitacionais apresentam tipologia de casas térreas ou apartamentos. As casas com 02 quartos, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e área útil mínima de 32 m². Os apartamentos com
02 quartos, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e área útil mínima de 37 m².

Por Joel Elias
Fotos: Medeiros

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 21/09/2014 ás 11:57:00

Baixaria na campanha - Confúcio terceiriza ataques a adversários e usa aposentado de 71 anos para “bater” em rivais

Sobrou até para o senador Ivo Cassol, que em breve deverá estar utilizando tornozeleira eletrônica e deve ser aliado de Confúcio caso o governador vá ao segundo turno

POLíTICA | matéria escrita em 20/09/2014 ás 14:39:00

Sem sair dos 28% das intenções de voto e dono de uma rejeição de 33% do eleitorado, Confúcio ataca adversários

Confúcio diz que "Rondônia não merece ser administrado por um bebedor cachaça. Não é justo entregarmos a chave do Estado a quem não teve competência para ajudar Rondônia".

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 19/09/2014 ás 20:26:00

Presidente do TRT da 14ª Região será expositor no VIII Encontro Nacional do Poder Judiciário

A união em torno de causas comuns da Justiça é a principal meta do Encontro Nacional do Judiciário.

POLíTICA | matéria escrita em 19/09/2014 ás 20:23:00

Políticos literalmente no lixo

Pedro Cardoso da Costa

POLíTICA | matéria escrita em 19/09/2014 ás 18:52:00

Localize as seções para o voto em trânsito no 1º turno das Eleições 2014

Nestas eleições gerais, não só as capitais estarão aptas a oferecer a modalidade de voto em trânsito, mas também os municípios com mais de 200 mil eleitores.

POLíCIA | matéria escrita em 19/09/2014 ás 18:43:00

Desvios de milhões do Sest/Senat: Clésio Andrade presta depoimento ao Ministério Público

Clésio é irmão do ex-deputado federal por Rondônia Oscar Andrade, que foi empresário do setor de transporte coletivo em Porto Velho e chefe da Casa Civil do Governo Bianco.

POLíTICA | matéria escrita em 19/09/2014 ás 18:27:00

PAINEL POLÍTICO - ALAN ALEX

O que será de Ivo Narciso Cassol?

GERAL | matéria escrita em 19/09/2014 ás 17:57:00

Aneel autoriza operação comercial da 13ª turbina da usina hidrelétrica jirau

Outras quatro máquinas estão em estado avançado de comissionamento. E a previsão é que a 14ª comece a operar até o final de setembro

POLíTICA | matéria escrita em 19/09/2014 ás 17:55:00

Justiça Eleitoral visita aldeia indígena para levar mensagem de conscientização do voto

Os adultos participaram de uma votação simulada com uma urna eletrônica para criarem intimidade com o equipamento.

POLíTICA | matéria escrita em 19/09/2014 ás 16:42:00

Cassol fala do caso Naiara, da prisão do filho e de seu quase vice e afirma não ver problema em deixar cargo no Senado

“Enquanto tiver recurso , sou senador. Se tiver que entregar o cargo amanhã, entrego sem nenhum problema. Não tenho apego ao poder”.

GERAL | matéria escrita em 19/09/2014 ás 16:08:00

Funescola vai capacitar servidores com dois novos cursos

A Funescola abriu 60 vagas, direcionadas aos servidores que exercem a função de pregoeiro nas secretárias municipais, autarquias e fundações.

GERAL | matéria escrita em 19/09/2014 ás 16:05:00

“Dia Mundial Sem Carro” acontece neste sábado em Porto Velho

Caracterizado como um movimento que reforça a consciência ambiental e social da população. . .

GERAL | matéria escrita em 19/09/2014 ás 16:01:00

Cooperativismo de crédito e caridade - é possível ?

ROMILTON MARINHO VIEIRA

GERAL | matéria escrita em 19/09/2014 ás 15:57:00

Concurso de vídeos de curta-metragem do MPRO é finalista do Prêmio CNMP 2014

A cerimônia de premiação ocorrerá na abertura do 5º Congresso Brasileiro de Gestão do Ministério Público.

POLíTICA | matéria escrita em 19/09/2014 ás 15:51:00

“Vamos escrever uma nova história de Rondônia”, diz Moreira Mendes

O candidato retomou as afirmações feitas ao seu eleitorado de que não vai usar o seu mandato em beneficio próprio, defendendo interesses familiares ou de empresas pessoais.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2013 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 SRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Gonçalves Dias, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com