27/11/2012 - 17h36min - Atualizado em 27/11/2012 - 17h36min

SINTERO - Projetos de Lei da Licença Prêmio e dos Precatórios já estão na ALE

O presidente do Sintero ouviu do Líder do Governo que a Assembleia Legislativa fará tudo o que for possível para que os dois Projetos de Lei sejam votados e aprovados o mais rápido...

Já estão na Assembleia Legislativa de Rondônia os dois Projetos de Lei mais aguardados pelos trabalhadores em educação. As Mensagens encaminhando o Projeto de Lei que autoriza a conversão de Licença Prêmio em pecúnia, e o Projeto de Lei dos Precatórios, foram encaminhadas pelo governo do Estado à Casa de Leis após reunião da diretoria do Sintero com o governador Confúcio Moura, da qual participaram a secretária de Estado da Educação, o secretário Chefe da Casa Civil e a Procuradora Geral do Estado.

Nesta terça-feira, 27/11, o presidente do Sintero, Manoel Rodrigues, manteve contato com o Líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado estadual Edson Martins, oportunidade em que solicitou ao parlamentar empenho para uma rápida tramitação e votação dos Projetos de Lei.

Manoel explicou ao deputado que a aprovação das duas matérias atende aos anseios não só dos trabalhadores em educação, mas de todo o funcionalismo público estadual, visto que uma lei possibilitará a retomada do pagamento da licença prêmio em pecúnia, e a outra destravará o pagamento dos precatórios estaduais.

O presidente do Sintero ouviu do Líder do Governo que a Assembleia Legislativa fará tudo o que for possível para que os dois Projetos de Lei sejam votados e aprovados o mais rápido possível.

Licença Prêmio

O Projeto de Lei da Licença Prêmio altera o artigo 123 da Lei Complementar nº 68, de 9 de dezembro de 1992. Com a nova redação, a Lei permitirá que o servidor na ativa, ao completar dois ou mais períodos de licença prêmio não gozados, poderá optar pela conversão de um dos períodos em pecúnia.

Com a aprovação e sanção dessa Lei, a Seduc retomará o pagamento da Licença Prêmio suspenso em agosto, conforme compromisso firmado pela secretária Izabel da Luz durante audiência do Sintero com o governador Confúcio Moura. Na ocasião o governador afirmou que o pagamento não terá problemas quanto ao orçamento, já que os recursos são próprios da educação.

Precatórios

Já o Projeto de Lei dos precatórios é uma antiga reivindicação do Sintero e mereceu, inclusive, uma mobilização conjunta do Sintero com o Sinsepol e o Sindsaúde, com manifestações e passeatas de protesto.

O PL tem a finalidade de autorizar a flexibilização do pagamento dos precatórios resultantes de ações judiciais dos servidores estaduais. Quando estiver aprovada e sancionada, a Lei vai autorizar que seja utilizada a metade dos recursos destinados aos precatórios para que sejam realizados acordos diretos com os credores. Assim os servidores que possuem precatórios de natureza alimentar, poderão receber os seus créditos mais rápido do que se tivessem que esperar na fila única, como funciona hoje.

Por lei, o governo deposita mensalmente 1,5% das receitas correntes líquidas em uma conta judicial para pagamento de precatórios. Atualmente o Sintero vem cobrando o pagamento dos precatórios da ação do salário mínimo dos Técnicos Administrativos e da ação do salário mínimo dos Professores.

O advogado do Sintero, Hélio Vieira, explicou que o envio do Projeto de Lei à Assembleia Legislativa representa uma vitória importante dos trabalhadores em educação e dos servidores de uma forma geral, mas observou que o parágrafo 2º do artigo 1º ainda precisa de uma interpretação mais clara ou uma adequação.

O referido parágrafo veta acordo sobre parte do valor devido a um mesmo credor, devendo o acordo abranger a totalidade do crédito. Para o advogado Hélio Vieira existe uma diferença se o credor for considerado o servidor, individualmente, ou se for considerado o sindicato, como autor da ação.

“Essa preocupação será por nós manifestada antes da aprovação da lei para que os servidores não sejam prejudicados em uma futura negociação dos precatórios”, disse o advogado.

O secretário de Assuntos Jurídicos do Sintero, Nereu Klosinski, disse que o sindicato vai acompanhar de perto a tramitação dos dois Projetos pois os servidores aguardam ansiosos pelo direito de receberem a licença prêmio e os precatórios.

O presidente do Sintero, Manoel Rodrigues, destacou que esse é mais um resultado positivo da união e da luta dos trabalhadores em educação. “Os nossos filiados vem acompanhando a nossa luta tanto pelo pagamento do precatório quanto pelo pagamento da licença prêmio em pecúnia. Mais uma vez está provado que com a união e o apoio da categoria as vitórias sempre vêm”, disse Manoel.



Autor: Assessoria

 

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


publicidade
GERAL | matéria escrita em 29/07/2014 ás 11:27:00

Loteamentos irregulares são alvo de ação pelo Ministério Público do Estado de Rondônia

A ação foi ajuizada após instauração de inquérito civil público para apurar a regularidade ambiental e urbanística dos loteamentos existentes no município.

POLíTICA | matéria escrita em 29/07/2014 ás 08:26:00

Transposição embaralhou por negligência do governo Confúcio, diz senador

Para ele , a solução ideal para agilizar os processos seria a criação de uma Central Administrativa da Transposição com servidores, técnicos e procuradores que atuam em Rondônia.

GERAL | matéria escrita em 28/07/2014 ás 18:45:00

Procurador-geral é a favor da criminalização da homofobia

Segundo Janot, a homofobia deve ser tratada como crime de racismo até que o Congresso Nacional aprove uma lei específica para disciplinar as punições.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/07/2014 ás 18:26:00

Divulgado resultado final do concurso para estagiário do TJRO

Foram oferecidas vagas para acadêmicos matriculados a partir do 3º período que fazem os cursos de Administração, Arquitetura, Ciências Contábeis, Comunicação Social, Direito, Economia...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/07/2014 ás 18:25:00

Mantida sentença condenatória de réu que ameaçou e ateou fogo na residência de ex-companheira

Em seu recurso o réu buscou a absolvição por insuficiência de provas para a condenação, com relação ao crime de ameaça.

GERAL | matéria escrita em 28/07/2014 ás 18:20:00

Presidente do TRE-RO destaca o alto custo de uma eleição durante palestra em Vilhena

Segundo o Desembargador, o país tem a melhor eleição do mundo, quando o quesito é apuração de votos, agilidade na divulgação e transparência.

GERAL | matéria escrita em 28/07/2014 ás 18:16:00

MP discute alternativas para realização do Arraial Flor do Maracujá

Durante a reunião, o Procurador-Geral de Justiça, Héverton Alves de Aguiar, afirmou não ser contrário à realização do evento

GERAL | matéria escrita em 28/07/2014 ás 18:15:00

MP instaura inquérito para promover a instalação de colônia agrícola em Buritis

O inquérito foi instaurado pela Promotora de Justiça Marlúcia Chianca de Morais, da Promotoria de Justiça da Comarca de Buritis.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/07/2014 ás 17:55:00

CNJ entrega relatórios dos mutirões carcerários ao TJAM e ao TJRO

O CNJ recomendou ao Judiciário amazonense a reestruturação das varas criminais da capital e do interior, a instalação de mais equipamentos de informática.

GERAL | matéria escrita em 28/07/2014 ás 17:54:00

Começa prazo para partidos e candidatos prestarem contas à Justiça Eleitora

Cabe ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e aos tribunais regionais eleitorais julgar as informações fornecidas. A Justiça Eleitoral poderá aprovar as contas.

GERAL | matéria escrita em 28/07/2014 ás 17:52:00

No Dia Mundial de Combate às Hepatites, especialistas alertam sobre a doença

Os tipos B e C, mais virulentos – que têm como principal forma de transmissão o contato com sangue e as relações sexuais

GERAL | matéria escrita em 28/07/2014 ás 17:51:00

Novo medicamento é esperança de cura para pacientes com hepatite C

A hepatite D é menos comum e depende da presença do vírus do tipo B para a infecção.

GERAL | matéria escrita em 28/07/2014 ás 17:50:00

MP recomenda a empresários de Rolim que obedeçam à Lei da Meia-Entrada

A emissão da recomendação foi motivada por denúncias de cerceamento do direito à meia-entrada durante a Exposição Agropecuária da cidade,

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/07/2014 ás 16:45:00

Fábrica da Coca-Cola em Rondônia é condenada a indenizar trabalhador por constrangimentos

A equipe que não atingisse a meta era atacada com gritos, as mesas eram viradas, eram submetidos a um “corredor polonês” e também era utilizado um bastão, em forma do órgão genital ...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 28/07/2014 ás 16:34:00

Alimentos provisórios são devidos até a sentença que os reduziu ou cassou

Em ação de execução de alimentos, o TJSP exonerou o alimentante do pagamento de alimentos provisórios fixados antes da prolação da sentença que os extinguiu. A alimentanda recorreu.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 SRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Gonçalves Dias, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com