27/11/2012 - 17h36min - Atualizado em 27/11/2012 - 17h36min

SINTERO - Projetos de Lei da Licença Prêmio e dos Precatórios já estão na ALE

O presidente do Sintero ouviu do Líder do Governo que a Assembleia Legislativa fará tudo o que for possível para que os dois Projetos de Lei sejam votados e aprovados o mais rápido...

Já estão na Assembleia Legislativa de Rondônia os dois Projetos de Lei mais aguardados pelos trabalhadores em educação. As Mensagens encaminhando o Projeto de Lei que autoriza a conversão de Licença Prêmio em pecúnia, e o Projeto de Lei dos Precatórios, foram encaminhadas pelo governo do Estado à Casa de Leis após reunião da diretoria do Sintero com o governador Confúcio Moura, da qual participaram a secretária de Estado da Educação, o secretário Chefe da Casa Civil e a Procuradora Geral do Estado.

Nesta terça-feira, 27/11, o presidente do Sintero, Manoel Rodrigues, manteve contato com o Líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado estadual Edson Martins, oportunidade em que solicitou ao parlamentar empenho para uma rápida tramitação e votação dos Projetos de Lei.

Manoel explicou ao deputado que a aprovação das duas matérias atende aos anseios não só dos trabalhadores em educação, mas de todo o funcionalismo público estadual, visto que uma lei possibilitará a retomada do pagamento da licença prêmio em pecúnia, e a outra destravará o pagamento dos precatórios estaduais.

O presidente do Sintero ouviu do Líder do Governo que a Assembleia Legislativa fará tudo o que for possível para que os dois Projetos de Lei sejam votados e aprovados o mais rápido possível.

Licença Prêmio

O Projeto de Lei da Licença Prêmio altera o artigo 123 da Lei Complementar nº 68, de 9 de dezembro de 1992. Com a nova redação, a Lei permitirá que o servidor na ativa, ao completar dois ou mais períodos de licença prêmio não gozados, poderá optar pela conversão de um dos períodos em pecúnia.

Com a aprovação e sanção dessa Lei, a Seduc retomará o pagamento da Licença Prêmio suspenso em agosto, conforme compromisso firmado pela secretária Izabel da Luz durante audiência do Sintero com o governador Confúcio Moura. Na ocasião o governador afirmou que o pagamento não terá problemas quanto ao orçamento, já que os recursos são próprios da educação.

Precatórios

Já o Projeto de Lei dos precatórios é uma antiga reivindicação do Sintero e mereceu, inclusive, uma mobilização conjunta do Sintero com o Sinsepol e o Sindsaúde, com manifestações e passeatas de protesto.

O PL tem a finalidade de autorizar a flexibilização do pagamento dos precatórios resultantes de ações judiciais dos servidores estaduais. Quando estiver aprovada e sancionada, a Lei vai autorizar que seja utilizada a metade dos recursos destinados aos precatórios para que sejam realizados acordos diretos com os credores. Assim os servidores que possuem precatórios de natureza alimentar, poderão receber os seus créditos mais rápido do que se tivessem que esperar na fila única, como funciona hoje.

Por lei, o governo deposita mensalmente 1,5% das receitas correntes líquidas em uma conta judicial para pagamento de precatórios. Atualmente o Sintero vem cobrando o pagamento dos precatórios da ação do salário mínimo dos Técnicos Administrativos e da ação do salário mínimo dos Professores.

O advogado do Sintero, Hélio Vieira, explicou que o envio do Projeto de Lei à Assembleia Legislativa representa uma vitória importante dos trabalhadores em educação e dos servidores de uma forma geral, mas observou que o parágrafo 2º do artigo 1º ainda precisa de uma interpretação mais clara ou uma adequação.

O referido parágrafo veta acordo sobre parte do valor devido a um mesmo credor, devendo o acordo abranger a totalidade do crédito. Para o advogado Hélio Vieira existe uma diferença se o credor for considerado o servidor, individualmente, ou se for considerado o sindicato, como autor da ação.

“Essa preocupação será por nós manifestada antes da aprovação da lei para que os servidores não sejam prejudicados em uma futura negociação dos precatórios”, disse o advogado.

O secretário de Assuntos Jurídicos do Sintero, Nereu Klosinski, disse que o sindicato vai acompanhar de perto a tramitação dos dois Projetos pois os servidores aguardam ansiosos pelo direito de receberem a licença prêmio e os precatórios.

O presidente do Sintero, Manoel Rodrigues, destacou que esse é mais um resultado positivo da união e da luta dos trabalhadores em educação. “Os nossos filiados vem acompanhando a nossa luta tanto pelo pagamento do precatório quanto pelo pagamento da licença prêmio em pecúnia. Mais uma vez está provado que com a união e o apoio da categoria as vitórias sempre vêm”, disse Manoel.



Autor: Assessoria

 

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 19:06:00

Senado aprova indenização a 'soldados da borracha'

A PEC 61/2013, que tem o deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) como primeiro signatário, prevê que a eles seja pago um benefício único de R$ 25 mil.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:32:00

PAINEL POLÍTICO - ALAN ALEX - Valter Araújo afirma que deputados levaram R$ 1 milhão cada um por isenção das usinas

Valter Araújo deu um longo depoimento ao procurador da República Reginaldo Trindade, invocando o recurso da “delação premiada” e explicou como funcionou a aprovação da isenção.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:29:00

Maurão pede recuperação de vicinal e recapeamento da RO-471, em Ministro Andreazza

"A prefeitura de Andreazza, a exemplo das demais, enfrenta dificuldades e estamos solicitando apoio do Governo para que essa vicinal, importante para a economia do município”.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:25:00

Santander é condenado em R$ 500 mil por não observar jornada de trabalho

A SDI-1 acolheu recurso do Ministério Público do Trabalho, autor de ação civil pública contra o banco, e restabeleceu decisão do Tribunal Regional do Trabalho .

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:23:00

Juiz de MG recebe pena de advertência por manifestação em eventos políticos

Os juízes são proibidos de dedicar-se à atividade político-partidária, de acordo com o artigo 95, parágrafo único, inciso III da Constituição Federal.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:20:00

Registro de infração prescrita em cadastro de servidor é inconstitucional

O autor do MS questionava decisão do presidente da República que, após a regular tramitação de processo disciplinar, aplicou pena de suspensão do autor e determinou a inscrição dos fatos...

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:07:00

Mapa e Conab apresentam medidas para retomada das entregas de polpas de frutas

A reunião aconteceu em cumprimento ao encaminhamento estabelecido durante reunião ocorrida na última semana, em Ji-Paraná.

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:02:00

Governo garante apoio ao pós-enchente em Guajará Mirim

Segundo o vereador Maurício Dibas, o distrito de Surpresa está isolado e sem o devido socorro do poder público.

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 18:00:00

Presídio Ênio Pinheiro tem funcionamento normalizado após tentativa de motim

“Em todo esse episódio não tivemos ocorrência de feridos ou óbitos”, destaca.

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 17:47:00

Polícia Militar de Rondônia troca comando geral

Assumiu o Comando geral o coronel da PM Fernando Luís Brum Prettz, tendo como subcomandante o coronel PM Geraldo Elísio de Ataíde.

GERAL | matéria escrita em 23/04/2014 ás 17:34:00

Truculência, excesso de burocracia e desrespeitos na SEMTRAN revoltam os taxistas da Capital

A categoria denuncia que qualquer solicitação feita à SEMTRAN se transforma num verdadeiro calvário. Essa situação refletiria o estilo militar do próprio secretario.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 16:55:00

Câmaras Criminais Reunidas do TJRO reduzem pena por posse de arma de fogo

O Ministério Público, por meio de seu procurador de Justiça, durante a sessão de julgamento, opinou pelo conhecimento e provimento da revisão criminal para correta tipificação da conduta delitiva do réu.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 16:46:00

Câmara aprova aposentadoria especial para mulher policial

A regra atual é de aposentadoria voluntária aos 30 anos de contribuição e 20 anos de atividade estritamente policial, tanto para homens quanto para mulheres.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 16:43:00

Transposição: Senadora defende PEC que beneficia servidores de ex-territórios

A proposta será votada nesta quarta-feira (23) e sua aprovação, disse a senadora, é muito esperada por esses servidores e também pelos governadores dos dois estados.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 16:41:00

Senado aprova projeto que regulamenta desmontagem de veículos

O projeto estabelece que um carro só poderá ser desmontado depois de expedida a certidão de baixa do registro.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 SRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Gonçalves Dias, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com