27/11/2012 - 17h36min - Atualizado em 27/11/2012 - 17h36min

SINTERO - Projetos de Lei da Licença Prêmio e dos Precatórios já estão na ALE

O presidente do Sintero ouviu do Líder do Governo que a Assembleia Legislativa fará tudo o que for possível para que os dois Projetos de Lei sejam votados e aprovados o mais rápido...

Já estão na Assembleia Legislativa de Rondônia os dois Projetos de Lei mais aguardados pelos trabalhadores em educação. As Mensagens encaminhando o Projeto de Lei que autoriza a conversão de Licença Prêmio em pecúnia, e o Projeto de Lei dos Precatórios, foram encaminhadas pelo governo do Estado à Casa de Leis após reunião da diretoria do Sintero com o governador Confúcio Moura, da qual participaram a secretária de Estado da Educação, o secretário Chefe da Casa Civil e a Procuradora Geral do Estado.

Nesta terça-feira, 27/11, o presidente do Sintero, Manoel Rodrigues, manteve contato com o Líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado estadual Edson Martins, oportunidade em que solicitou ao parlamentar empenho para uma rápida tramitação e votação dos Projetos de Lei.

Manoel explicou ao deputado que a aprovação das duas matérias atende aos anseios não só dos trabalhadores em educação, mas de todo o funcionalismo público estadual, visto que uma lei possibilitará a retomada do pagamento da licença prêmio em pecúnia, e a outra destravará o pagamento dos precatórios estaduais.

O presidente do Sintero ouviu do Líder do Governo que a Assembleia Legislativa fará tudo o que for possível para que os dois Projetos de Lei sejam votados e aprovados o mais rápido possível.

Licença Prêmio

O Projeto de Lei da Licença Prêmio altera o artigo 123 da Lei Complementar nº 68, de 9 de dezembro de 1992. Com a nova redação, a Lei permitirá que o servidor na ativa, ao completar dois ou mais períodos de licença prêmio não gozados, poderá optar pela conversão de um dos períodos em pecúnia.

Com a aprovação e sanção dessa Lei, a Seduc retomará o pagamento da Licença Prêmio suspenso em agosto, conforme compromisso firmado pela secretária Izabel da Luz durante audiência do Sintero com o governador Confúcio Moura. Na ocasião o governador afirmou que o pagamento não terá problemas quanto ao orçamento, já que os recursos são próprios da educação.

Precatórios

Já o Projeto de Lei dos precatórios é uma antiga reivindicação do Sintero e mereceu, inclusive, uma mobilização conjunta do Sintero com o Sinsepol e o Sindsaúde, com manifestações e passeatas de protesto.

O PL tem a finalidade de autorizar a flexibilização do pagamento dos precatórios resultantes de ações judiciais dos servidores estaduais. Quando estiver aprovada e sancionada, a Lei vai autorizar que seja utilizada a metade dos recursos destinados aos precatórios para que sejam realizados acordos diretos com os credores. Assim os servidores que possuem precatórios de natureza alimentar, poderão receber os seus créditos mais rápido do que se tivessem que esperar na fila única, como funciona hoje.

Por lei, o governo deposita mensalmente 1,5% das receitas correntes líquidas em uma conta judicial para pagamento de precatórios. Atualmente o Sintero vem cobrando o pagamento dos precatórios da ação do salário mínimo dos Técnicos Administrativos e da ação do salário mínimo dos Professores.

O advogado do Sintero, Hélio Vieira, explicou que o envio do Projeto de Lei à Assembleia Legislativa representa uma vitória importante dos trabalhadores em educação e dos servidores de uma forma geral, mas observou que o parágrafo 2º do artigo 1º ainda precisa de uma interpretação mais clara ou uma adequação.

O referido parágrafo veta acordo sobre parte do valor devido a um mesmo credor, devendo o acordo abranger a totalidade do crédito. Para o advogado Hélio Vieira existe uma diferença se o credor for considerado o servidor, individualmente, ou se for considerado o sindicato, como autor da ação.

“Essa preocupação será por nós manifestada antes da aprovação da lei para que os servidores não sejam prejudicados em uma futura negociação dos precatórios”, disse o advogado.

O secretário de Assuntos Jurídicos do Sintero, Nereu Klosinski, disse que o sindicato vai acompanhar de perto a tramitação dos dois Projetos pois os servidores aguardam ansiosos pelo direito de receberem a licença prêmio e os precatórios.

O presidente do Sintero, Manoel Rodrigues, destacou que esse é mais um resultado positivo da união e da luta dos trabalhadores em educação. “Os nossos filiados vem acompanhando a nossa luta tanto pelo pagamento do precatório quanto pelo pagamento da licença prêmio em pecúnia. Mais uma vez está provado que com a união e o apoio da categoria as vitórias sempre vêm”, disse Manoel.



Autor: Assessoria

 

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 23/05/2015 ás 14:27:00

Glaucione destina emenda para região

Parlamentar se reúne com diretor do DER para definir destinação de emenda.

POLíTICA | matéria escrita em 23/05/2015 ás 14:22:00

Maurão participa do lançamento de obras de asfalto

Presidente da Assembleia se colocou à disposição do prefeito e da comunidade para colaborar com a capital.

POLíTICA | matéria escrita em 23/05/2015 ás 14:08:00

SUGESPE vira cabide para “ex” com salários de até R$ 14 mil

Ex-secretários,ex-assessores enrolados em denúncias de corrupção e até parentes de deputados estão lotados lá.

GERAL | matéria escrita em 23/05/2015 ás 13:52:00

MPF e MP/RO obtém liminar para retirada de escavadeira histórica da EFMM

Há mais de dois anos, a escavadeira New Bucyrus, patrimônio histórico e cultural da EFMM, foi encontrada em área de risco de desbarrancamento.

GERAL | matéria escrita em 23/05/2015 ás 13:48:00

Candidatos farão prova em 46 escolas e faculdades da Capital

O cargo com maior número de candidatos por vaga é o de motorista, com 2.915 concorrentes para quatro vagas, seguido de analista jurídico, cujos inscritos foram de 2.671 para cinco vagas e em terceiro, analista administrativo ...

POLíTICA | matéria escrita em 23/05/2015 ás 13:43:00

Resenha política

Robson Oliveira

POLíTICA | matéria escrita em 23/05/2015 ás 13:31:00

Plenário da Câmara vai analisar reforma política

Deputados vão analisar separadamente os temas da reforma, como sistema eleitoral, financiamento de campanhas e duração de mandatos.

POLíTICA | matéria escrita em 23/05/2015 ás 13:23:00

Raupp acredita que Rondônia terá benefícios com visita ao Brasil

É que muitos deles têm manifestado interesse de investir no país, e Rondônia, disse ele, é um estado que pode atrair esses investimentos, já que se trata de grande produtor de energia, tem hidrovias...

GERAL | matéria escrita em 23/05/2015 ás 13:17:00

Governo prorroga vacinação contra a gripe até 5 de junho em todo o país

Para receber a dose, é preciso levar o cartão de vacinação e um documento de identificação. Pessoas com doenças crônicas ou com outras condições clínicas especiais precisam apresentar uma prescrição médica.

GERAL | matéria escrita em 23/05/2015 ás 13:13:00

Implementação do Código Florestal ainda é desafio, dizem ONGs

Entre os problemas relatados pelos gestores estaduais do Cadastro Ambiental Rural (CAR) está a resistência de alguns setores produtivos e a dificuldade em acelerar o cadastramento.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/05/2015 ás 11:06:00

Abertas as inscrições para escolha de Juiz de Paz e Suplentes na comarca de Santa Luzia do Oeste

Para ser candidato é necessário ter concluído no mínimo o ensino fundamental.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/05/2015 ás 11:04:00

Caminhada em prol da Adoção será neste domingo, no Espaço Alternativo

A Caminhada é aberta ao público e faz parte das comemorações do Dia Nacional da Adoção, 25/5, segunda-feira.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/05/2015 ás 11:02:00

Tribunal de Justiça e Ministério Público integram sistemas no PJe

O PJe é uma ferramenta inovadora, que substitui o processo em meio físico, com documentos, assinaturas e carimbos por arquivos digitais, manuseados por meio de computadores, tablets e até celulares.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/05/2015 ás 10:52:00

Ariquemes: Ginecologista tem mais um pedido de liberdade negado pela 1ª Câmara Criminal

No pedido de liberdade anterior a defesa do acusado argumentou que as provas testemunhais não tinham o poder cabal da veracidade para acusá-lo do suposto crime, uma vez que o profissional de ginecologia precisa utilizar-se do “toque” ...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/05/2015 ás 10:44:00

CNJ suspende licença-prêmio para magistrados do TRT do Mato Grosso

De acordo com o relator, a vantagem da licença-prêmio para os magistrados não encontra respaldo na Resolução n. 133/2011 do CNJ e na Lei Complementar n. 35/1979 (Lei Orgânica da Magistratura - Loman).

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 SRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Gonçalves Dias, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com