/ GERAL /

00/00/0000 - 00h39min - Atualizado em 00/00/0000 - 00h39min

Sintero realiza assembléias com os servidores federais sobre isonomia, enquadramento, e ações do 3,17%, tícket alimentação e PSS

A direção do Sintero cumpre nesta semana em todo o Estado uma agenda de assembléias com os trabalhadores em educação federais do ex-território. A finalidade é repassar aos servidores informações atualizadas acerca da ação da isonomia, enquadramento dos técnicos e administrativos, segunda ação do ticket alimentação e ação dos 3,17%. Participam das assembléias, servidores filiados e não filiados ao Sintero. Durante as assembléias realizadas até agora, não houve sequer um questionamento de qualquer servidor sobre a condução dos processos.

Ontem (segunda-feira) pela manhã a assembléia foi realizada em Guajará-Mirim e à tarde em Porto Velho, reunindo mais de mil servidores. Nesta terça-feira as reuniões acontecem em Vilhena e Pimenta Bueno, e amanhã, quarta-feira (19/09), o encontro ocorre em Rolim de Moura, Ji-Paraná e Ariquemes. Conduzida pela presidente do Sintero, Claudir Mata, as assembléias têm a presença dos advogados Hélio Vieira e Orestes Muniz, que representa o advogado Luiz Felipe Belmonte.

Sobre a ação da isonomia as assembléias esclarecem que toda polêmica criada por dois deputados estaduais não passa de jogo político, pois o que interessa mesmo é a luta do Sintero e dos advogados para que todos recebam o que têm direito.

Na audiência de conciliação, solicitada pelo SINTERO e realizada no dia 17/08 na 2ª Vara do Trabalho de Porto Velho, ficou acordado que a assessoria jurídica do Sintero, através do advogado Hélio Vieira, fará um trabalho em conjunto com o advogado Luiz Felipe Belmonte, com a finalidade de sanar os problemas que ainda existem na ação da isonomia dos servidores federais do ex-Território. Na impossibilidade de ficar permanentemente em Rondônia, o advogado Luiz Felipe nomeou o advogado Orestes Muniz para desenvolver o trabalho em conjunto com o Sintero e com o advogado Hélio Vieira, sem custos extras para os servidores.

Para resolver todos os problemas de procurações outorgadas anteriormente aos advogados Luiz Felipe, Hélio Vieira e ao Sintero, ficou acordado que os servidores deverão assinar uma procuração única, que terá validade para o trabalho conjunto. Os advogados e a presidente do Sintero explicam nas assembléias que essa procuração única é necessária, para que os servidores não tenham problemas e por qualquer motivo não fiquem fora dos cálculos. “Alguns servidores assinaram procuração para o Luiz Felipe, outros assinaram para o doutor Hélio, e o Sintero não necessita de procuração, porque já representa os servidores”, esclareceu Claudir Mata.

Ainda sobre a ação da isonomia, os servidores tomam conhecimento de que o enquadramento dos técnicos e administrativos está sendo realizado pela União, e que a direção do Sintero e os advogados participam, periodicamente, de reuniões com os técnicos dos ministérios da Fazenda e do Orçamento e Gestão para tratar do assunto. Os advogados vão entrar com ação para executar a multa diária estabelecida pela Justiça contra a União visando reparar os prejuízos causados pela demora no enquadramento.

Sobre a ação do ticket alimentação, o Sintero já dispõe de lista com o cálculo individual . A ação do PSS continua tramitando na Justiça.

Já a ação dos 3,17% enfrenta problemas, porque alguns servidores entraram com ações individuais mesmo estando na ação do Sintero, o que gerou duplicidade na Justiça Federal. Segundo os advogados, há servidores que possuem até três ações requerendo o mesmo direito. Nas assembléias o Sintero esclarece que existem três listas desta ação, sendo a primeira dos servidores que já receberam a ação, uma lista dos que não receberam e uma terceira lista dos servidores que não estavam no processo, mas que teriam direito à ação. Uma dessas listas possui cálculos individuais

Mesmo enfrentando tumultos processuais a ação do 3,17% já foi julgada e encontra-se em poder de um contador para a realização dos cálculos. Os pedidos de desistência formulados para retirar da ação coletiva os servidores que tinham ação individual no Juizado Especial foram todos indeferidos pela União. Como condição para a desistência a União exigiu a renúncia dos servidores ao direito, o que não é recomendado pelo Sintero. A assessoria jurídica do SINTERO não aceita mais requerimentos de pedidos para sair do processo, pois o mesmo está em fase de conclusão.

A direção do Sintero recomenda que os servidores que não puderem participar das assembléias compareçam a qualquer regional para assinarem a procuração única, e para obter informações detalhadas sobre as ações.

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 23/04/2014 ás 07:30:00

Mantida sentença que condenou o Estado de Rondônia ao pagamento de indenização por danos materiais

Ainda de acordo com o desembargador, o material fotográfico comprova, cabalmente, a negligência no suporte de segurança na estrutura da quadra esportiva do órgão escolar.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 07:28:00

Aprovado no Senado, marco civil da internet segue à sanção

O projeto estabelece princípios, garantias, direitos e deveres para internautas e provedores na rede mundial de computadores no Brasil.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 07:15:00

Expedito Júnior participa de reunião com Aécio Neves em Brasília

Nesse encontro do PSDB foram definidas as datas para as convenções.

POLíTICA | matéria escrita em 23/04/2014 ás 07:11:00

PAINEL POLÍTICO - ALAN ALEX

Denúncia baseada na coluna chega ao MP e TCE.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/04/2014 ás 16:44:00

CNJ discutirá estratégia para a redução de fraudes com documentos falsos

O objetivo do trabalho é auxiliar para a futura implantação do Sistema de Informações de Registro Civil (SIRC), além de sugerir outros meios que garantam a segurança dos registros.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/04/2014 ás 16:42:00

OAB consegue trancar ação penal contra advogado

“O entendimento dos tribunais superiores é que o parecer favorável à continuidade de certame licitatório não configuraria crime de responsabilidade".

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/04/2014 ás 16:36:00

OAB questiona critério para honorários quando a Fazenda Pública ficar vencida

Assim, a OAB pede a concessão de medida liminar pelo relator, e posterior referendo do Plenário da Suprema Corte, para suspender a eficácia da norma.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/04/2014 ás 16:33:00

Estado de Rondônia terá que ressarcir cidadão que gastou 69 mil em hospital particular

O relator do recurso, desembargador Walter Waltenberg Silva Junior, disse que a responsabilidade pelo atendimento de saúde dos cidadãos é do Estado.

GERAL | matéria escrita em 22/04/2014 ás 16:08:00

Nazif empossa operadores de máquinas e diz que Prefeitura vai trabalhar dia e noite para mudar a cara de Porto Velho

“Com a chegada das máquinas e a contratação dos operadores vamos dar a Porto Velho o que nossa cidade merece. Nossas equipes trabalharão em turnos durante o dia e a noite..."

GERAL | matéria escrita em 22/04/2014 ás 15:57:00

Tribunal de Contas de Rondônia encontra várias irregularidades nas contas de Bessa na Sesdec

Marcelo Bessa, ex-secretário de Segurança Pública, deixou o Governo no início deste mês para disputar uma vaga de deputado federal.

GERAL | matéria escrita em 22/04/2014 ás 15:37:00

MPT abre inquérito civil contra TAM por trabalho infantil

Programa da empresa utiliza crianças de até 12 anos em atividades análogas ao trabalho dos comissários de bordo.

GERAL | matéria escrita em 22/04/2014 ás 14:57:00

Novo porto da capital terá estrutura moderna para grãos

O DNIT investirá perto de R$ 74 milhões na construção da Rodovia Expresso Porto, da BR-364 até o novo complexo portuário, retirando o fluxo de caminhões pesados da zona urbana.

GERAL | matéria escrita em 22/04/2014 ás 14:54:00

Receita Federal já recebeu mais de 90 mil declarações em Rondônia

O atraso gera multa mínima de R$ 165,74.

POLíTICA | matéria escrita em 22/04/2014 ás 14:52:00

Prazo para regularizar título eleitoral termina em duas semanas

Orientação da Justiça Eleitoral é para que o eleitor não deixe para resolver a situação na última hora, quando geralmente há grandes filas e demora no atendimento.

POLíTICA | matéria escrita em 22/04/2014 ás 14:34:00

PRESIDENTE DA ALE PROMETE VERIFICAR ANDAMENTO DA INTERVENÇÃO NO SEBRAE

Sobral reclama da falta de resposta a um ofício enviado ao Sebrae Nacional, no qual solicita informações sobre o andamento das investigações.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com