11/12/2013 - 18h12min - Atualizado em 11/12/2013 - 18h12min

TCE responde consulta sobre contribuição previdenciária e aposentadoria de servidor

Na decisão, o Tribunal diz que é competência da municipalidade definir, em lei própria, a base de cálculo da contribuição previdenciária .

Em sessão do Pleno, o Tribunal de Contas (TCE-RO) aprovou voto na Consulta-Processo nº 4537/2012, formulada pelo Instituto de Previdência Social dos Servidores Públicos do Município de Machadinho do Oeste, relativamente a questões envolvendo, entre outros tópicos, contribuição previdenciária, aposentadoria, licença, auxílios e adicional de insalubridade.

No voto aprovado, o TCE expõe os questionamentos feitos pelo consulente, respondendo-os de forma condensada em 10 tópicos principais, esclarecendo, inicialmente, que o artigo 4º da Lei Federal nº 10.887/2004 aplica-se somente aos servidores federais. A norma equivalente para servidores municipais e estaduais é a Lei nº 9.717/1998, em seu artigo 1º, inciso X.

Na decisão, o Tribunal diz que é competência da municipalidade definir, em lei própria, a base de cálculo da contribuição previdenciária destinada ao seu regime próprio (RPPS). A lei local que instituir parcela remuneratória deve também dispor se é permanente ou não, se incorporável ou não e quais sofrerão a incidência da contribuição previdenciária.

A decisão plenária ainda esclarece que a aposentadoria dos servidores que ingressaram no serviço público até a data de publicação da Emenda Constitucional nº 41 (31 de dezembro de 2003) será regida por uma das regras constitucionais implementadas no momento de sua concessão e o sistema de cálculo dos proventos se dará com base na última remuneração do cargo efetivo, salvo as concedidas com base no artigo 2º da EC nº 41/03.

Dessa forma, as parcelas incorporadas passam a ser consideradas vantagem pessoal de natureza permanente e a integrar o conceito de remuneração do cargo efetivo, para efeito da incidência da contribuição previdenciária e da aposentadoria. Já as parcelas não incorporadas, de natureza transitória, não fazem parte da remuneração do cargo efetivo e não servem de base para o cálculo dos proventos.

Por outro lado, a aposentadoria dos servidores efetivos que ingressaram no serviço público após a publicação da EC 41/03 será regida pelo parágrafo 1º do artigo 40 da Constituição federal, o qual prevê que os proventos serão calculados com base na média aritmética simples das maiores contribuições, correspondente a 80% de todo o período contributivo, contado a partir de julho de 1994.

É possível, por opção do servidor, incluir na base de cálculo da contribuição, parcelas remuneratórias com caráter temporário, fixadas em lei, com a finalidade de aumentar a média das remunerações contributivas, e consequentemente do valor dos proventos. Cabe ao município observar, durante a elaboração dos cálculos dos proventos, os limites previstos na CF, uma vez que o valor apurado não pode exceder a remuneração do servidor no cargo efetivo em que se deu sua aposentadoria.

OUTRAS QUESTÕES
Na decisão, o Pleno também esclarece outras questões, como licença maternidade, auxílios doença e reclusão, adicional de insalubridade, retorno à atividade de servidor.

O voto e o parecer prévio aprovados - que estão disponibilizados no portal do Tribunal de Contas (www.tce.ro.gov.br) - passam a integrar a Consolidação de Entendimentos do TCE, firmando, assim, precedente normativo no âmbito de jurisdição da Corte de Contas rondoniense.

Leia também:

comentários
publicidade

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:47:00

Procurador geral da República pede ao STF prisão do senador Ivo Cassol

Em 2013, o tribunal condenou o congressista a 4 anos, 8 meses e 26 dias de prisão por crimes cometidos quando foi prefeito de Rolim de Moura (RO), entre 1998 e 2002.

GERAL | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:37:00

Tribunal de Justiça e Ministério Público compartilham dados da Sesdec em 2015

De acordo com o delegado Júlio Ugalde, assessor institucional da Sesdec, a atualização do sistema se tornou viável em razão de convênio celebrado entre a Sesdec e o Governo Federal.

GERAL | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:36:00

Governo de Rondônia confirma apoio para conter conflitos agrários

O diretor geral da Polícia Civil, Pedro Mancebo, entende que a criação da delegacia só trará benefícios ao Estado.

GERAL | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:33:00

Prefeitura de Porto Velho investe na estruturação da Fundação Cultural

Marcos Nobre destaca que uma das prioridades da atual gestão é dotar a Funcultural de condições de logística, trabalho e mobilidade para a equipe, composta de 16 servidores.

GERAL | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:31:00

Semusa passará a fornecer fraldas a pessoas com deficiência gratuitamente

Segundo explica o secretário da Semusa, Domingos Sávio, até então esta distribuição era realizada somente perante pedido judicial.

POLíCIA | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:29:00

Polícia Rodoviária Federal realizará leilão de veículos no sábado(27) em Porto Velho(RO)

Serão leiloados 245 lotes de veículos apreendidos.

GERAL | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:27:00

Prefeitura leva o natal para 2400 crianças na zona Leste

Camila Canova, Coordenadora de Turismo de Porto Velho, disse que em cada sessão participam seiscentas crianças.

POLíTICA | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:15:00

Donadon pode emplacar a irmã, Raquel, na representação da Seduc em Vilhena

Raquel Donadon pode substituir Edson Nogueira. Raquel concorreu a deputada federal pelo PTB, tentando ocupar a vaga do irmão, Natan, cassado pela Câmara.

POLíCIA | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:13:00

Vilhena: ex-vereador fala da trágica morte do pai, assassinado pelo filho caçula

Marquinhos Bacana admitiu doença do irmão.

GERAL | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:08:00

MP celebra TAC com DER para pavimentação de avenidas de Buritis

O Termo de Ajuste estabelece que o órgão fará todos os reparos necessários nas obras que apresentarem problemas.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 19/12/2014 ás 18:05:00

MP recomenda exoneração de servidora condenada por crime contra administração pública dos quadros do Município de Ji-Paraná

Atualmente, a servidora está condenada criminalmente, com trânsito em julgado.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 19/12/2014 ás 17:52:00

Ministério Público do Trabalho acompanha o Judiciário e funcionará em regime de Plantão durante recesso forense

No período de Plantão estão escalados servidores e Procuradores do Trabalho, na modalidade de sobreaviso, para atender os casos em que a Lei estabelece como urgência.

GERAL | matéria escrita em 19/12/2014 ás 17:38:00

Trabalhadores em educação aprovam pauta de reivindicações para 2015

A pauta, construída a partir de um referencial apresentado pelo Sistema Diretivo do Sintero, contém itens que vão desde a reposição salarial, aumento de gratificações, criação de novas gratificações...

POLíTICA | matéria escrita em 19/12/2014 ás 17:36:00

Confúcio Moura toma posse no dia 1º de janeiro, no Palácio das Artes

Natural de Dianópolis no Tocantins , Confúcio Aires Moura de 66 anos é médico formado pela Universidade Federal de Goiás (UFG), além de ter exercido a função de policial militar.

POLíTICA | matéria escrita em 19/12/2014 ás 16:36:00

Guajará-Mirim: MDA libera R$ 200 mil para compra de equipamentos agrícolas

O recurso é de emenda individual que o deputado federal Padre Ton (PT-RO) indicou ao Orçamento da União de 2013.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2013 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com