09/03/2010 - 16h31min - Atualizado em 09/03/2010 - 16h31min

TRT libera R$ 96 mi para pagar multa de precatório a técnicos administrativos da educação

Descontados os honorários advocatícios, os 1.085 técnicos administrativos da educação receberão cerca de R$78 milhões.

A Justiça do Trabalho liberou nesta terça-feira (9) por meio de alvará judicial assinado pela juíza federal do trabalho Isabel Carla de Moura Piacentini, da 2ª Vara do Trabalho de Porto Velho, recursos no valor de R$96,2 milhões para pagamento de precatório aos técnicos administrativos do quadro federal associados ao Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Rondônia (Sintero).

O pagamento se refere à multa imposta à União pelo não cumprimento da decisão judicial no processo nº 2039/89, que determinou o enquadramento dos servidores com base na chamada “Lei Calmon”, editada em 1987.

Descontados os honorários advocatícios, os 1.085 técnicos administrativos da educação receberão cerca de R$78 milhões. De acordo com o advogado dos reclamantes, Luis Felipe Belmonte, esses valores foram “harmonizados” entre as partes.

A juíza Isabel Carla Piacentini explicou que a espera de 21 anos decorre da apreciação dos vários recursos interpostos nas diferentes instâncias da Justiça do Trabalho, mas que, apesar da demora, a liberação do pagamento representa a verdadeira efetividade da justiça, com a conveniente previsão orçamentária.

Em 2009, o Tribunal Regional do Trabalho de Rondônia e Acre liberou o pagamento de mais de R$400 milhões em precatório para os professores. A diretora do Juizado Auxiliar de Conciliação de Precatórios, Maria Eleide de Sales Mendes, disse que a implantação do JACP em 2003 é responsável direto pelo pagamento de vários precatórios na jurisdição de Rondônia e Acre.

No total, foram pagos R$9,4 milhões em precatórios a credores de Rondônia e Acre. Dos 1.174 processos que o governo de Rondônia tinha pendentes com a Justiça do Trabalho, na época, restam somente 190. Os débitos trabalhistas estão sendo amortizados por meio do convênio de cooperação técnica do governo com o TRT para repasses mensais de R$400 mil.

No Acre, restam 28 processos para serem quitados e dependem da assinatura de convênio para quitação. É a primeira vez, de acordo com Maria Eleide, que o Tribunal Superior do Trabalho (TST) faz o repasse integral dos recursos orçamentários. Anteriormente, os repasses eram feitos em duas ou três parcelas.

(Redator: Abdoral Cardoso)

comentários

COMENTÁRIOS


publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 30/09/2014 ás 17:41:00

Debate 2014: Liminar proíbe propaganda sonora próximo à TV Rondônia

O debate entre os candidatos ao governo vai ocorrer hoje, 30 de setembro. Para PRE, o objetivo é que não ocorra aglomeração de cabos eleitorais, após 22h, congestionando trânsito .

GERAL | matéria escrita em 30/09/2014 ás 15:02:00

Porto Velho - Cem Anos de História

Antes habitada por tribos valentes... De grandes nações guerreiras... Estou falando de Porto Velho... Gerada nas barrancas do madeira...

GERAL | matéria escrita em 30/09/2014 ás 14:29:00

Greve dos bancários em Rondônia começa com 71 agências fechadas

Das mais de 130 agências espalhadas no Estado, 71 foram fechadas nesta terça-feira, 30/9, o que representa aproximadamente 55% de unidades com as portas fechadas.

GERAL | matéria escrita em 30/09/2014 ás 13:26:00

Prefeito Mauro Nazif decreta ponto facultativo no dia 03 de outubro

O ponto facultativo nesta data, que é precedida pelo dia da comemoração dos 100 anos de criação da cidade de Porto Velho (02/10/1914), visa...

POLíTICA | matéria escrita em 30/09/2014 ás 13:18:00

As Eleições e os Candidatos que não Deveriam Ser

Por Reginaldo Trindade[1]

POLíTICA | matéria escrita em 30/09/2014 ás 13:13:00

Em Linhas Gerais: Cadê o MP eleitoral que não fala nada das promessas estapafúrdias de Gurgacz?

Gessi Taborda

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 30/09/2014 ás 13:10:00

OAB repudia projeto de lei que extingue o Exame de Ordem

Se aprovado o projeto, haverá uma classe de subadvogados e quem perde é a sociedade.

GERAL | matéria escrita em 30/09/2014 ás 11:55:00

MP e parceiros concluem primeira etapa de implementação da Polícia Comunitária

O projeto, iniciado em 10 de julho de 2014, consiste na presença diária da Policia Comunitária em bairro pré-selecionado

GERAL | matéria escrita em 30/09/2014 ás 11:52:00

Educação na cultura digital é tema de palestra oferecida pela UNIR

O professor Nelson de Luca Pretto vem a Porto Velho especialmente para ministrar, juntamente com o professor José Lucas Pedreira Bueno (UNIR)

GERAL | matéria escrita em 30/09/2014 ás 11:46:00

Semusb prepara Parque da Cidade para comemorações do centenário

Fávaro afirma que além da estrutura do parque, a prefeitura também está beneficiando as ruas do entorno.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 30/09/2014 ás 10:34:00

Promotor recorre à justiça contra ato do procurador geral que teria lhe impedido de investigar deputados

O desembargador Raduam Miguel , do Tribunal de Justiça, deu 10 dias para que o procurador geral de justiça preste informações sobre o caso.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 30/09/2014 ás 10:10:00

Suspensas cobranças de telefone no período de cheia em São Carlos e Nazaré

O período de cheia para as comunidades está estabelecido de março a agosto, com exceção de São Carlos, distrito que ficou totalmente submerso pelo Rio Madeira.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 30/09/2014 ás 10:05:00

Turma afasta decisão que considerou ginástica laboral como intervalo intrajornada

No recurso ao TST, a costureira alegou que só usufruía de 50 minutos de intervalo, e que a concessão parcial do tempo destinado a repouso e alimentação gera o direito ao pagamento total do...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 30/09/2014 ás 10:01:00

Indenização trabalhista após separação deve ser partilhada se o direito foi gerado durante o casamento

A tese voltou a ser discutida pela Quarta Turma no julgamento do recurso de ex-esposa que pleiteou a divisão de indenização trabalhista recebida pelo ex-marido após a separação.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 30/09/2014 ás 09:58:00

Google não é obrigado a fazer censura prévia mas precisa coibir abusos

O relator, ministro Paulo de Tarso Sanseverino, destacou que o provedor tem apenas a obrigação de disponibilizar mecanismos para que os usuários denunciem conteúdos ofensivos e de providenciar...

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2012 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com