Deputado Anderson garante emendas para construção de salas de aula e refeitório na Escola Mãe Margarida

Com as obras, escola poderá receber mais 70 crianças de famílias localizadas no Orgulho do Madeira.

Assessoria
Publicada em 23 de agosto de 2017 às 15:08
Deputado Anderson garante emendas para construção de salas de aula e refeitório na Escola Mãe Margarida

O deputado estadual Anderson do Singeperon (PV) garantiu nesta terça-feira (22) a destinação de emendas parlamentares para a construção de salas de aula e um refeitório na Escola Municipal de Educação Infantil Mãe Margarida, localizada no bairro Jardim Santana, em Porto Velho. O anúncio foi feito no mesmo dia pelo parlamentar durante visita à unidade escolar, junto com o vereador Márcio Pacele do Sitetuperon (PSB).

A necessidade foi apontada pelo vereador Márcio e pela diretora da Escola, Rosana Dartiballe, que agradeceu a visita e os recursos para a benfeitoria. As três novas salas a serem construídas (creche, Pré 1 e Pré 2) aumentarão a capacidade para atendimento de mais 70 crianças, beneficiando principalmente as famílias que moram no Orgulho do Madeira. Já o refeitório beneficiará ainda outros 340 alunos matriculados.

“Essa ampliação na escola será importante para essas crianças, que terão uma infraestrutura melhor, contribuindo assim para a qualidade do ensino em nosso município”, ressaltou o deputado Anderson que vem confirmando ser um braço forte da gestão municipal guiada por Hildon Chaves.

Os valores exatos a serem destinados depende ainda de um estudo por um engenheiro da Secretaria Municipal de Educação (Semed). Porém, gira em torno de R$ 120 mil para as salas de aula e R$ 50 mil para o refeitório. Após a visita à Escola Mãe Margarida, os detalhes foram tratados pessoalmente pelo deputado com o secretário municipal de Educação, Marcos Aurélio.

A ‘Mãe Margarida’ faz parte de todo um complexo de obras financiadas pelo Governo Federal para o município de Porto Velho, dentro dos programas de atenção à educação de pré-escolas infantis destinadas a zerar o déficit no setor, sobretudo nas regiões mais pobres do País.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook