Espetáculo de dança produzido por vilhenenses estreia em festival organizado pela Funarte

O espetáculo ‘Batuques da Floresta’, foi produzido pela ACEMDA em Vilhena(RO) e conta com interpretação em libras e audiodescrição

Assessoria
Publicada em 25 de junho de 2022 às 15:29
Espetáculo  de dança produzido por vilhenenses estreia em festival organizado pela Funarte

Mesclando danças indígenas tribais e danças afro-brasileiras estreia no nesta sexta-feira,24, as 20h na segunda edição do Festival Acessibilidança Virtual o espetáculo “Batuques da Floresta”.

O espetáculo de dança foi produzido e gravado em Vilhena (RO) pela Associação Cultural, Educação, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável Diversidade Amazônica (ACEMDA) e foi contemplado no edital de “Dança Acessível – Prêmio Festival Funarte Acessibilidança Virtual 2021” .

O prêmio foi promovido pela Fundação Nacional de Artes – Funarte e tem como objetivo valorizar e fortalecer a expressão da dança brasileira, assim como possibilitar a sua democratização, inclusão e acessibilidade.

A montagem configura um conjunto de danças indígenas tribais e danças afro-brasileiras, que foram se fundindo ao longo dos anos pelos povos tradicionais que vivem na Amazônia Legal, formando assim um espetáculo com energia e alegria, cheio de ritmo, que contagia o público.

O espetáculo de dança conta com  classificação livre para todos os públicos e duração de 40 minutos, interpretação em libras e audiodescrição. 

A produtora cultural Andréia Machado, ressalta que a dança é um importante meio de comunicação e inclusão social. Andréia Machado explica que o  espetáculo “Batuques da Floresta” visa valorizar a cultura dos povos tradicionais que vivem na floresta amazônica como indígenas Nambiquaras os  remanescentes quilombolas.

“Trabalhamos com muita dedicação para produzir este espetáculo. Toda a equipe está de parabéns! Espero que a população assista e valorize a produção local”, disse Andréia Machado.

O público pode conferir a exibição do espetáculo “Batuques da Floresta”, gratuita e com audiodescrição e Libras, no canal da Funarte no YouTube: www.youtube.com/funarte. O vídeo ficará disponíveis no canal da Funarte após a exibição.

O espetáculo é um dos 25 projetos que estão sendo apresentados na segunda edição do Festival Funarte Acessibilidança, de junho a setembro deste ano.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

Chovendo no molhado

Chovendo no molhado

Que se investigue, seja quem for, independente de cor, classe social, sexo, religião ou coloração partidária, mas que as coisas sejam feitas de maneira criteriosa e responsável, porque o povo, em sua maioria, não é burro