PM desarticula quadrilha que roubava casas e torturava vítimas

Em um assalto, os bandidos chegaram a quebrar os dentes de uma vítima.

Comando 190
Publicada em 06 de janeiro de 2018 às 14:28
PM desarticula quadrilha que roubava casas e torturava vítimas

Na noite desta sexta-feira, dia 05, na cidade de Ji-Paraná, a Polícia Militar conseguiu desarticular uma quadrilha especializada em roubar residências, sempre com muita violência e, em alguns casos, torturando as vítimas. Em um assalto, os bandidos chegaram a quebrar os dentes de uma vítima.

Durante a ação em conjunto entre as Guarnições de Rádio Patrulha e o Núcleo de Inteligência do 2º BPM, quatro indivíduos foram presos, dentre eles, dois adolescentes, com várias passagens pela justiça ( um estava foragido do CASE, e dois maiores de idade, identificado como Akisson Pereira Veiga La Fuentes, vulgo “Ako”, apenado que está utilizando tornozeleira eletrônica, e Gabriel Estevão de Oliveira Peres, de 19 anos, que foi preso em outubro de 2017 com uma arma de fogo e um rádio transmissor na frequência da polícia. Clique no título abaixo e reveja a matéria:

Notícia publicada em 13/10/2017 - 15:20:13  PM e PC encontra arma de fogo e rádio na frequência da polícia com suspeito de estar praticando assaltos, em Ji-Paraná

Com os quadrilheiros, os PM’s apreenderam dois revólveres calibre 38, municiado, e diversos produtos roubados.

De acordo com a Polícia, a quadrilha estava escondida na casa do apenado Akisson, onde se encontravam frequentemente para planejar os roubos. Logo que entraram na casa, localizada na Rua Manfredo Barata, próximo a ULBRA, no 1º Distrito de Ji-Paraná, os Policiais Militares tiveram uma surpresa ao escutarem a Central de Operações, pois em cima do sofá havia um rádio transmissor ligado na frequência da PM.

Diante da situação, os quatro envolvidos receberam voz de prisão e foram conduzidos para a UNISP, onde acabaram sendo reconhecidos em um roubo, ocorrido recentemente em uma casa no bairro Urupá.

A Polícia solicita a quem reconhecer qualquer objeto, arma ou pessoa, comparecer na UNISP, localizada na Rua T-12, e procurar o SEVIC.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook