À procura de outro “Mito”

O maior problema do Brasil não é a ideologia, mas a eterna síndrome da “Casa Grande e Senzala”, ou seja, a triste desigualdade social Os fascistas do Brasil procuram outro “Mito”. O atual não deu certo e cairá fora

Professor Nazareno*
Publicada em 13 de setembro de 2021 às 15:03
À procura de outro “Mito”

Outro dia eu disse sem medo de errar: o fraco e incompetente governo de Jair Bolsonaro já acabou no Brasil. Uma desorientada multidão de mais de 57 milhões de órfãos deserdados, coxinhas e reacionários vaga desconsolada e desiludida pelas ruas da amargura à procura de outro salvador da Pátria que dê alento e guarida aos seus anseios conservadores, ditatoriais e fascistas. A humilhante capitulação de Bolsonaro no último dia 9 de setembro de 2021 pedindo arrego ao STF, à Constituição e aos princípios democráticos jogou um balde de água fria nas aspirações golpistas de grande parte dos seus traídos eleitores e seguidores. O “Mito” de agora, para decepção de seus fãs, capitulou de forma humilhante. Antes, Getúlio Vargas se suicidou. Jânio Quadros, já gagá, sai de cena e Fernando Collor renunciou. Os “quatro patetas” foram só vergonha.

Somente os tolos e idiotas acreditaram que o “Bozo” era de fato um sujeito antissistema e que ia combater todas as mazelas que afligem o povo pobre deste país. Ele sempre foi “do sistema” e sempre compactuou com a maldita elite que tanto desprezou e despreza os miseráveis. Bolsonaro é um militar. Burro por formação, sem raciocínio lógico e sem conhecimentos sociais e políticos, ele aproveitou-se de uma oportunidade em que as esquerdas e o PT roubavam o país como nunca, para que pudesse ascender ao poder. O “Bozo” foi deputado federal por sete vezes e nada fez em benefício dos mais pobres e necessitados. Tudo era só “gogó”. Apenas usando as “rachadinhas”, e outros meios ilícitos nesse longo tempo, aumentou o patrimônio dele e de toda a sua família. Recorde: por 19 vezes seguidas os Bolsonaros ganharam eleições.

Diferente de outro idiota que presidiu os brasileiros, Bolsonaro sairá rico da política, mas jamais vai entrar para a História. Dará muita sorte se não for preso, julgado e condenado pelas bravatas e tolices que falou durante o seu mandato. Ele e todos os seus filhos. Hoje, vários de seus puxa-sacos já estão devidamente presos e serão julgados. Esse capitão arruaceiro deveria também ter sido preso quando, no processo de golpe contra a Dilma Rousseff, fez elogios públicos a um notório torturador. Fosse num país sério, teria saído algemado do Congresso Nacional. Jair Bolsonaro é uma das piores e infames piadas que nos aconteceu nos últimos tempos. Não governou absolutamente nada e até hoje só criou confusão. O Brasil está na bancarrota e falido. Dias piores nos esperam na economia. A inflação voltou com força. O desemprego, idem. O caos é aqui.

Mas os amantes do “Mito” não vão desistir. Vão escolher outro “bobo” logo em breve. Até já elegeram o ex-prefeito de Colatina no Espírito Santo, Sérgio Meneguelli, como o novo sucessor de suas asneiras e ideias fascistas. Não deu certo. Mas a procura  continuará. Isso se o atual “Mito” deles, o velho, falastrão e derrotado Jair Bolsonaro, não recuar de suas tentativas de dar um golpe de Estado no Brasil e implantar outra Ditadura Militar tão feroz e assassina quanto à instalada em 1964. Só que com tanques de guerra fumacentos e obsoletos, essas nossas inoperantes e frágeis Forças Armadas vão fazer mais vergonha do que atitudes heroicas. Além do mais, o mundo evoluiu e com ele a sua forma de viver a política. O maior problema do Brasil não é a ideologia, mas a eterna síndrome da “Casa Grande e Senzala”, ou seja, a triste desigualdade social. Os fascistas do Brasil procuram outro “Mito”. O atual não deu certo e cairá fora. 

 

*Foi Professor em Porto Velho.

Envie seu Comentário

 

Comentários

  • 1
    image
    Roberto Ferreira 14/09/2021

    Ué!!!  Sumiu a boiada ensandecida???   Nenhum mugido se ouve, após o frouxo do genocida arriar as calças ao Supremo... 

  • 2
    image
    edgard feitosa 13/09/2021

    Não sejam "velhinhas de Taubaté", acreditando que Bolsonaro está na "lona"; logo vamos ver Bolsonaro travestido de "chapolim colorado" : NÃO CONTAVAM COM MINHA ASTUCIA; Bolsonaro é "SATANAS" querendo ser "luz", pois em sua "carta à nação", de forma cínica finge "compromisso com a democracia", mas é apenas recuo tático para voltar à carga; lembremos que na avenida paulista, no dia 7 de setembro, o "REBANHO DE LOBOS NEOPENTECOSTAIS E O GADO MARCADO", uivavam e mugiam o nome de Silas Malafaia, para vice presidente; enquanto isso as demais forças políticas divagam : PDT quer emplacar Ciro Gomes, o coronel que está sempre à beira de um ataque de nervos; o PT quer resacramentar Lula; PSDB tucanos emplumados e empoleirados em cima do muro, perdidos em filosofias escolásticas - social democracia (terceira via, que apenas doura a pílula capitalista); DEM partido "PURO SANGUE" sempre a favor dos BANCOS, EMPRESÁRIOS, isto é, do LIBERALISMO CAPITALISTA EXPLORADOR; PTB de Roberto Jefferson, que obriga Getúlio Vargas a SUICIDAR-SE todos os dias; MBD, ah! o MDB partido sempre à disposição de relações incestuosas nos balcões do fisiologismo; nesse caldo indigesto Bolsonaro tem tudo para se transformas de Satanás em "luz", sim porque a luz em excesso CEGA;

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook