Com foco em novas conquistas para a Educação, Governo realiza abertura do Ano Letivo 2024 em Rondônia

O Governo do Estado investiu mais de R$ 2,7 bilhões em Educação, deixando as escolas mais estruturadas para recepcionar os alunos neste novo ciclo

Texto: Vanessa Moura Fotos: Frank Nery Secom - Governo de Rondônia
Publicada em 15 de fevereiro de 2024 às 18:11
Com foco em novas conquistas para a Educação, Governo realiza abertura do Ano Letivo 2024 em Rondônia

A cerimônia de abertura do Ano Letivo da rede estadual de ensino aconteceu no município de Rolim de Moura

Em Rondônia, a cerimônia de abertura do Ano Letivo da rede estadual de ensino aconteceu na manhã desta quinta (15), no município de Rolim de Moura, na escola Coronel Aluízio Pinheiro Ferreira, na oportunidade foi feita a entrega de kits pedagógicos e materiais. Atualmente, a Rede Estadual de Ensino é composta por 408 escolas, 10.783 mil professores e 177.189 alunos.  Em 2023, o Governo de Rondônia investiu mais de R$ 2,7 bilhões em Educação, deixando as escolas mais estruturadas para recepcionar os alunos neste novo ciclo.

Para o governador de Rondônia, Marcos Rocha, o início das aulas nas escolas estaduais vem acompanhado da proposta de novas conquistas para a Educação. ‘‘Ultrapassamos os 25% de investimento para a Educação exigidos pela Constituição, com investimento na melhoria da estrutura das escolas, aquisição de equipamentos, veículos, ônibus rodoviários para excursão e reajuste salarial para os profissionais da Educação”, ressaltou.

A secretária de Estado da Educação (Seduc), Ana Pacini, acrescentou que 100% das escolas estaduais passaram por revitalização e estão prontas para receber os estudantes. ‘‘Todas receberam reforma, ampliação ou algum tipo de melhoria, ao longo da gestão foi fortalecido os veículos à disposição da Educação, são 360, desde caminhões frigoríficos a frota do transporte escolar,’’ pontuou.

A escola Coronel Aluízio Pinheiro Ferreira é composta por cerca de 1.300 alunos do 6º ano ao 3º ano do Ensino Médio

ESTRUTURA

Na escola Coronel Aluízio Pinheiro Ferreira, por exemplo, foi realizada, recentemente, uma pintura geral. A instituição também passou a ter um novo refeitório e houve a instalação de placas solares, além de ter recebido diversos materiais pedagógicos. Nela, estão matriculados cerca de 1.300 alunos do 6º ano ao 3º ano do Ensino Médio.

A escola que existe desde 1982, mesmo ano de instalação do estado de Rondônia, vive uma fase com os investimentos recebidos. O diretor Gildo Benedito Ramos, estima que em 2023 cerca de R$ 2 milhões foram aplicados na unidade, entre infraestrutura e equipamentos.

E os estudantes estão provando que as melhorias estão resultando em ganho na aprendizagem. A escola Aluízio vem crescendo em índices de avaliação. Um exemplo disso é que 54 alunos tiveram um alcance de nota superior a 700 pontos no último Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). “Esse resultado repercutiu em Rolim de Moura, tanto que quando começou o período de matrículas não conseguimos atender a todos que queriam vir para a escola por considerarem essa uma excelente instituição educacional”, afirma o diretor.

APRENDIZAGEM

Natan Silva alcançou mais de 700 pontos no Enem e ingressou no curso de Direito

O estudante Natan Silva Martins concluiu o Ensino Médio na escola Coronel Aluízio Pinheiro Ferreira e destaca que o Revisa Enem do Governo de Rondônia, projeto criado para reforçar o aprendizado do Ensino Médio, é muito importante, especialmente para os que não têm recurso para um curso preparatório para o vestibular. “Agradeço todo o apoio da escola, através desse projeto do Governo, o Revisa Enem consegui uma nota satisfatória no Enem, mais de 700 pontos, e ingressei no curso pretendido, o de Direito”, comemorou.

O investimento do Governo tem alcançado todas as escolas estaduais e os resultados também. Maria Eduarda Amancio conclui o Ensino Médio na escola Cândido Portinari, também em Rolim de Moura, e é um exemplo que com a dedicação do estudante combinada com as melhorias no ensino promovidas pelo Governo é possível alcançar bons resultados e realizar sonhos.

‘‘A preparação que a escola me proporcionou fez total diferença, tanto que eu não paguei nenhum tipo de cursinho, todo o meu aprendizado veio das aulas dadas pelos professores, pelas plataformas do Governo e também pelos conteúdos que a gente acha na internet, principalmente simulados’’. No Enem, a estudante alcançou nota 940 na redação, 793 em Matemática, 620 em Humanas, 570 em Linguagem e 540 em Ciência da Natureza, o que garantiu o ingresso no curso de odontologia.

Alana Gabriele do Nascimento concluiu o Ensino Médio na escola Juscelino Kubitschek, em Santa Luzia do Oeste, também na região da Zona da Mata, e agradece o apoio da escola para realizar o sonho de ser psicóloga. ‘‘Estudei pela plataforma do Agora Vai Enem, onde fazia redações mensais, e tive a ajuda dos professores. Alcancei 710 pontos no Enem e pretendo cursar psicologia na Unir. Com os investimentos do Governo do Estado conseguimos alcançar nosso objetivo, de ingressar em uma universidade’’, salientou.

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie seu Comentário

 
Winz

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook