Conselheiros Tutelares são empossados

O conselheiro tem de ter em mente que o papel dele vai muito mais além do que uma simples função

Decom Ji-Paraná
Publicada em 10 de janeiro de 2020 às 12:26
Conselheiros Tutelares são empossados

O Prefeito Municipal, Marcito Pinto (PDT), empossou hoje (10), os dez conselheiros tutelares que irão atuar em Ji-Paraná a partir deste ano de 2020. Eleitos no pleito eleitoral realizado em outubro do ano passado, os conselheiros exercerão o mandato por quatro anos.

Participaram da cerimônia, além do Prefeito Municipal,  as promotoras de Justiça Conceição Forte Baena e Marcília Ferreira da Cunha e Castro, os vereadores Joaquim Teixeira, Joziel Carlos de Brito, Jessé Mendonça, Lorenil Gomes, Marcelo Lemos, Isaias Arnica, Edilson Vieira, Claudia de Jesus, Nim Barroso e Obadias Ferreira, a Presidente da Associação estadual dos Conselhos Tutelares, Carla Goes, a Presidente do CMDCA, Angelita Nogueira, e a secretária municipal de assistência social, Sônia Reigota.

Foram empossados cinco conselheiros para atuarem no primeiro distrito e cinco para o segundo distrito. No primeiro distrito irão trabalhar os conselheiros: Márcio Lima dos Santos, Janethe de Almeida Santos, Leandra de Souza Brito, Lucileny Moura Costa e Kátia Cilene Pereira Nascimento. O segundo distrito terá como conselheiros: Carla Maria de Oliveira Goes, Fernanda Fontes Vidal, Aldenor Tavares de Lima, Marluce Messias Correa e Josiani Fernandis Martins.

Como forma de inserir os novos conselheiros ao ambiente em que eles irão atuar, e visando oferecer condições e conhecimento que facilitem o trabalho que será desempenhado por eles, o Conselho do Direito das Crianças e Adolescentes (CMDCA), disponibilizou um curso de capacitação e elaborou uma cartilha que irá funcionar como um manual com todas as instruções, normas e procedimentos básicos, visando orientar o trabalho dos conselheiros junto a rede de proteção dos direitos das crianças e adolescentes.

A Secretária Sônia Reigota lembrou que o Conselho Tutelar é exerce papel fundamental na luta pelos direitos das crianças e dos adolescentes, “pois são esses profissionais que trabalham como intermediários as crianças e jovens em situações de risco e vulnerabilidade e todos os envolvidos na rede de proteção, que são os órgãos que vão realizar o devido atendimento, requisitar serviços e aplicar medidas protetivas necessárias para cada caso.

Já o prefeito Marcito Pinto desejou sucesso aos empossados e ressaltou a importância do papel desempenhado por esses profissionais. “Dedicação, responsabilidade e amor pelo trabalho que irão desempenhar. Isso é o que todos nós esperamos de cada uma de vocês. O conselheiro tem de ter em mente que o papel dele vai muito mais além do que uma simples função. Vocês, a partir de agora, passam a ter uma missão possui extremamente importante contexto social, que é a de zelar pelos direitos das crianças e dos adolescentes. Permitir que esses direitos sejam cumpridos e lutar para melhorar a sociedade nesse sentido”, ressaltou Marcito.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook