Deputados de Rondônia processados: Lindomar Garçon (PV-RO)

O deputado federal eleito Lindomar Barbosa Alves, o Lindomar Garçon (PV-RO), é acusado em ação penal do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) por crimes contra a fé pública. O processo, que re

Publicada em 00/00/0000 às 03:41:00
 
Amauri Arrais Do G1, em São Paulo
Foto: Divulgao
Lindomar Garçon (PV-RO)

O deputado federal eleito Lindomar Barbosa Alves, o Lindomar Garçon (PV-RO), é acusado em ação penal do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) por crimes contra a fé pública. O processo, que retornou à Justiça Federal de Rondônia, tem o número 2002.41.00.002689-0 (www.trf1.gov.br).

O autor da ação é o Ministério Público Federal. De acordo com a assessoria da Justiça Federal em Rondônia, Alves, ex-prefeito de Candeias do Jamari (RO), é acusado de ter contratado funcionários e omitir seus nomes da folha de pagamento para não recolher FGTS e Previdência.

Deputado crê em arquivamento

Procurado pelo G1, o deputado disse tratar-se de um único caso, em que um médico foi contratado pela prefeitura, de maneira emergencial, para atender ao Programa de Saúde da Família. Segundo Lindomar, o profissional foi afastado dos quadros da prefeitura.

Lindomar Garçon afirmou que o município não foi alertado pelo INSS de mudanças nas regras de recolhimento e, logo que constatado, o erro foi corrigido. O deputado disse ainda que acredita que o processo está em fase de arquivamento.