Faz sentido a preocupação de Guedes

Que, diga-se de passagem, não é somente dele, mas de toda a população

Valdemir Caldas
Publicada em 22 de junho de 2022 às 12:11
Faz sentido a preocupação de Guedes

Em matéria publicada no jornal eletrônica Tudo Rondônia – aliás, uma das mais lidas -, o ex-deputado federal, ex-prefeito de Porto Velho e pré-candidato ao governo de Rondônia, José Alves Vieira Guedes, deixou claro que, se for eleito, o combate à violência será uma das prioridades de seu governo. E a preocupação de Guedes faz sentido. Nos últimos anos, os índices de violência em Rondônia cresceram assustadoramente. Existe, hoje, um clamor, que parte de todos os bairros da capital. Um grito angustiado, porém, até agora, não atendido, resultado do clima insuportável de insegurança que domina a população.

A sociedade perdeu a tranquilidade. Ninguém, absolutamente ninguém, seja em casa, no trabalho, em qualquer lugar, pode sentir-se seguro, imune ao festival macabro de crimes que afronta à cidadania, à dignidade social e às próprias instituições responsáveis pela segurança pública. É como se a população tivesse sido entregue de pés e mãos atados ao banditismo, cometendo todo tipo de barbaridades contra vítimas completamente indefesas. Sair de casa, nas primeiras horas da noite, para ir à farmácia ou mesmo ao supermercado virou uma aventura arriscada.

A polícia (civil e militar) até que se tem esforçado para cumprir o seu papel constitucional, mas os resultados estão longe se atingir os objetivos desejados pela população, que não sabe até quando vai ter que conviver com a onda de selvageria que a todos aterroriza. Independente de quem seja o governador de Rondônia, a partir de janeiro de 2023, o que a sociedade reclama, nessa hora gravíssima, e a adoção de medidas firmes e corajosas capazes de conter a explosão de violência que encontrou no Estado terreno fértil para proliferar. Faz sentido a preocupação de Guedes, que, diga-se de passagem, não é somente dele, mas de toda a população.    

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook