Golpe do WhatsApp clonado faz vítimas em Rondônia

Pelo menos três boletins de ocorrência foram registrados na Unisp

Assessoria
Publicada em 30 de agosto de 2019 às 09:43
Golpe do WhatsApp clonado faz vítimas em  Rondônia

Os casos estão acontecendo com frequência em vários lugares do Brasil. Aqui em Ji-Paraná não está sendo diferente. A Câmara de Dirigentes Lojista de Ji-Paraná - CDL, obteve relato de três clientes da sua base que possui o CDL celular que foram vítimas deste golpe.

Um dos clientes chegou a relatar que foi vítima do golpe após anunciar o produto na OLX. Ele recebeu uma ligação pedindo para confirmar a venda do produto por meio de um código encaminhado ao aparelho celular e logo em seguida teve o whatsapp clonado.

A coordenadora do CDL Celular, Kívia Fogassa, orienta que os clientes da base devem ficar atentos aos links que recebem pelo aplicativo e que evitem informar qualquer código que seja recebeido no celular por meio de ligações ou até mesmo whatsapp.

Para evitar mais golpes, a orientação é que os clientes do CDL Celular cadastrem o código pin em seus aparelhos em duas etapas. Isso pode ser feito através do aplicativo, no ícone “configurações”.

Kívia ressaltou ainda que os clientes que tiveram o whatsapp clonado não perderam a linha, mas estão impossibilitados de usar o aplicativo.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook