Inscrições para 5ª edição do Prêmio Espírito Público são prorrogadas até o dia 17 de agosto

Servidores públicos vão concorrer a prêmios de R$ 10 mil (individual) e R$ 15 mil (projeto)

Assessoria
Publicada em 10 de agosto de 2022 às 16:49
Inscrições para 5ª edição do Prêmio Espírito Público são prorrogadas até o dia 17 de agosto

As inscrições para o maior prêmio dedicado aos profissionais públicos do Brasil estão abertas até o dia 17 de agosto. Inicialmente, as inscrições seriam encerradas dia 10 de agosto, mas os servidores acabam de ganhar mais uma semana para aproveitar a oportunidade de se inscrever e concorrer ao prêmio. 

Em sua quinta edição, o Prêmio Espírito Público 2022 irá oferecer prêmios de R$10 mil (categoria Pessoas que Transformam) e R$15 mil (Projetos que Transformam). 

Além do valor em dinheiro, os vencedores participarão de uma cerimônia de premiação e ainda terão a oportunidade de vivenciar uma imersão de aprendizagem com especialistas em gestão pública. As inscrições podem ser feitas pelo site www.premioespiritopublico.org.br.

Com o objetivo de identificar, reconhecer e valorizar profissionais dedicados à qualidade dos serviços públicos no país, o Prêmio Espírito Público já contemplou 75 pessoas e 3 instituições em todas as regiões do país desde a sua primeira edição. 

A premiação é uma iniciativa da Parceria Vamos, formada pela Fundação Lemann, Instituto Humanize e a República.org – organizações da sociedade civil que atuam no fortalecimento das lideranças do setor público e do terceiro setor.

“Há diversos estudos que mostram como a valorização é importante para que as pessoas se sintam motivadas no trabalho. É fundamental reconhecermos os servidores públicos como prestadores de serviços essenciais. Sem eles, não teríamos conseguido enfrentar essa pandemia da Covid nem conseguiríamos avançar na luta pela redução da desigualdade. Premiar essas pessoas é a nossa forma de dizer: acredite no seu poder de transformação", destaca Helena Wajnman, diretora executiva da República.org.

Na categoria Pessoas que Transformam poderão participar profissionais públicos que trabalham atualmente na administração pública direta ou indireta (incluindo fundações, autarquias e empresas públicas), nas esferas federal, estadual ou municipal. 

Os profissionais devem ter, no mínimo, 5 anos de atuação no setor público. Esta categoria oferecerá 5 eixos setoriais: Desenvolvimento Social, Meio Ambiente, Saúde, Segurança Pública e Intersetorial. O eixo Intersetorial foi criado nesta edição para incluir profissionais que tenham atuado em áreas diversas e/ou multidisciplinares (como Saúde-Educação ou Segurança Pública-Meio Ambiente, por exemplo).   

A categoria Projetos que Transformam reconhecerá o trabalho feito nas áreas de Covid, Gestão de Pessoas e Educação. Poderão se inscrever grupos compostos por no mínimo três profissionais públicos, sendo uma pessoa representante da equipe e responsável pela inscrição. Todos os membros deverão ter, no mínimo, 5 anos de atuação no setor público brasileiro na última década. 

A 5ª edição do Prêmio Espírito Público traz outra novidade: neste ano haverá uma menção honrosa para iniciativas que promovam a inclusão social e produtiva dos grupos historicamente sub-representados no país (mulheres, pretos, pardos, indígenas, quilombolas, pessoas com deficiência e população LGBTQIAP+). O vencedor do eixo Promoção de Diversidade será selecionado por votação popular, e as candidaturas serão apresentadas a partir de indicações dos parceiros institucionais do Prêmio Espírito Público.

 Seleção e premiação 

A escolha dos vencedores das demais categorias (Pessoas que Transformam e Projetos que Transformam) será feita por júris e comitês compostos por servidores públicos, acadêmicos, representantes do terceiro setor e de organizações, além de ganhadores de edições anteriores. Critérios como diversidade, impacto social, contribuição técnica, capacidade de mobilização e efeito multiplicador, iniciativa e integridade serão observados pelos jurados.

A categoria Projetos que Transformam selecionará três vencedores e a categoria Pessoas que Transformam terá cinco – um vencedor por cada eixo (Desenvolvimento Social, Meio Ambiente, Saúde, Segurança Pública e Intersetorial). A cerimônia de premiação está prevista para novembro. Os premiados passarão ainda a compor uma rede exclusiva formada pelos ganhadores do Prêmio nas quatro edições anteriores.

Criado em 2018, o Prêmio Espírito Público busca contribuir para a ressignificação da imagem do profissional público no Brasil, provocando uma mudança positiva de mentalidade da sociedade em relação aos profissionais públicos. O prêmio tem como objetivo ainda inspirar e estimular mais pessoas a ingressarem na carreira pública, incorporando na sua atuação profissional o Espírito Público.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook