Marcelo Barrozo é nomeado presidente da Comissão de Proteção à Cidadania e Mobilização Comunitária

Para o presidente da OAB/RO, Márcio Nogueira, qualidades necessária para abordar assuntos que exijam a mobilização da comunidade, Marcelo Barrozo tem

Ascom OAB/RO
Publicada em 22 de janeiro de 2022 às 12:49
Marcelo Barrozo é nomeado presidente da Comissão de Proteção à Cidadania e Mobilização Comunitária

O advogado Marcelo André Azevedo Veras Barrozo foi nomeado, pelo presidente Márcio Nogueira, para presidir a Comissão de Proteção à Cidadania e Mobilização Comunitária da Seccional Rondônia da Ordem dos Advogados do Brasil no triênio 2022-2024. Entre as principais atribuições a de realizar palestras e seminários explicativos para a sociedade, com a finalidade de mostrar quais seus direitos e deveres.

Com atuação na seara do direito cívil; eleitoral; público e parlamentar, ele garante que o trabalho à frente da comissão terá como foco o apoio à sociedade, mobilizando a comunidade para os seminários comunitários em conjunto com outras Comissões e órgãos da OAB, como a Escola Superior da Advocacia de Rondônia.

“Eu encaro esse serviço que prestamos para a OAB como uma missão de vida profissional. É parte de um processo de construção do advogado. O Márcio [Nogueira] foi o meu mentor profissional na área do Direito Eleitoral, que foi como eu comecei. Márcio Nogueira é um líder com uma maturidade emocional incrível, porque ele é um técnico que enxerga o que temos de profissional a entregar e sente, antes de tudo, se estamos no caminho certo pela entrega à causa”, destaca Marcelo Barrozo.

Para o presidente da OAB/RO, Márcio Nogueira, qualidades necessária para abordar assuntos que exijam a mobilização da comunidade, Marcelo Barrozo tem. “Ele é dinâmico, comunicativo, criterioso e muito compreensível e bastante aberto ao diálogo. Uma comissão que atua com a comunidade precisa de um representante que entenda a comunidade”, destaca.

Na Ordem, Marcelo Barrozo também é membro da Comissão de Seleção e Habilitação e tem passagem pela Comissão de Direito Eleitoral.

“Precisamos aproximar a sociedade civil dos trabalhos que realizamos em nossa Ordem e essa Comissão é responsável por isso”, diz o novo presidente ao falar que já está em trabalho para a elaboração dos projetos a serem desenvolvidos no triênio.

O presidente Márcio Nogueira ainda agradeceu ao advogado João Bosco Machado de Miranda, que tanto se dedicou à Ordem enquanto esteve à frente da comissão.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

Santander desrespeita decisão judicial e prefere pagar multa para abrir no sábado e expor trabalhadores a mais um dia de risco de infecção

Santander desrespeita decisão judicial e prefere pagar multa para abrir no sábado e expor trabalhadores a mais um dia de risco de infecção

Embora o Juízo da 4ª Vara do Trabalho de Porto Velho (TRT 14) tenha indeferido o pedido inicial, com a justificativa de que “não vislumbrou o preenchimento dos requisitos da probabilidade do direito e periculum in mora para deferir a tutela pretendida”, o Sindicato entrou com recurso e, na manhã deste sábado (22/1) conseguiu o Mandado de Segurança