NOTA DE REPÚDIO

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Rondônia (SINJOR), vem por meio deste, REPUDIAR os atos praticados pelo secretário de Estado da Agricultura, Evandro Padovani

Assessoria
Publicada em 14 de agosto de 2020 às 15:52
NOTA DE REPÚDIO

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Rondônia (SINJOR), vem por meio deste, REPUDIAR os atos praticados pelo secretário de Estado da Agricultura, Evandro Padovani, contra o radialista Roni Freitas, durante o programa “Tribuna do Povo”, que vai ao ar das 12:00 às 13:30hs, na Rádio Plan FM, no município de Jaru/RO, fato ocorrido na quinta-feira (13/08/2020).

O direito de opinião é constitucional e a liberdade de pensamento está assegurada no Artigo 5º, inciso IV, da Constituição Federal. Quem assume uma função pública de Secretário de Estado está sujeito a receber críticas e elogios. Importante acrescentar que o Direito de Resposta está assegurado na Lei Federal 13.188, de 2015, e é garantido a todo cidadão que se sentir ofendido. Invadir uma emissora de rádio para forçar um Direito de Resposta não encontra amparo no sistema jurídico brasileiro.

Informamos que o ato praticado pelo secretário será encaminhado à Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) para as devidas providências que o caso requer. A diretoria

A diretoria

Envie seu Comentário

 

Comentários

  • 1
    image
    Gilzelia Lima 15/08/2020

    O melhor pedido de desculpas do governo do estado de Rondônia é a exoneração deste desequilibrado. Padovani não me representa como secretário de agricultura de Rondônia.

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook