Trabalhadores do Sistema Eletrobras, Ceron e Eletronorte, amanhecem em greve

A concentração em Porto Velho,  tanto para os trabalhadores da CERON quanto da ELETRONORTE,  será em frente da CERON Comercial, na Avenida Sete de Setembro, próximo à Estrada de Ferro Madeira- Mamoré.

Com informações do Sindur
Publicada em 22 de junho de 2017 às 07:55
Trabalhadores do Sistema Eletrobras, Ceron e Eletronorte, amanhecem em greve

Os trabalhadores do Sistema Eletrobras (Ceron e Eletronorte) paralisaram  suas atividades por 24 horas nesta quinta-feira, 22/06. Em nota, o sindicato da categoria )Sindur) diz que o ato é  devido a " intransigência da Eletrobras em relação a busca de alternativas e aperfeiçoamento no Plano de Aposentadoria Extraordinária – PAE- ,  a suspensão do Centro de Serviços Compartilhados – CSC-, bem como em relação ao pagamento da PLR e a data do pagamento do Ticket Extra.

A nota do sindicato afirma que "o Coletivo Nacional dos Eletricitários – CNE- exigia uma definição sobre o tema  em reunião marcada para o dia 20 de junho com a direção do Sistema Eletrobras, no entanto, a empresa cancelou a reunião sem qualquer definição sobre esses temas, incluindo data de pagamento da PLR e do Ticket Extra, assim como o anúncio do fim da Reestruturação e das Privatizações".

"Com o cancelamento da referida reunião, os trabalhadores entenderam que a empresa não tem compromisso com o tema, tratando o mesmo com enrolação e falta de respeito, o que obrigou a categoria a deflagrar uma paralisação no nesta quinta-feira  22/06, como forma de protesto", acrescenta a nota.

HojE (22),  às 16h30, no final da paralisação, será realizada uma assembleia para deliberar pelo indicativo de paralisação de 72 horas, nos próximos dias 28, 29 e 30 de junho.

A concentração em Porto Velho,  tanto para os trabalhadores da CERON quanto da ELETRONORTE,  será em frente da CERON Comercial, na Avenida Sete de Setembro, próximo à Estrada de Ferro Madeira- Mamoré.

Envie seu Comentário

 

Comentários

  • 1
    image
    Amilton 22/06/2017

    Mais uma vez ! Pergunto,e os funcionários da CELG-D, não fazem greve?respondo ! Claro que não,agora é privatizada ,se pararem vão ser despedidos.E mais uma vez eu digo-vos,acabem logo com esta farra e privatizem logo as subsidiárias da união.O plano da CELG-D deu certo e não prejudicou ninguém,só os icomodados .

  • 2
    image
    Amilton 22/06/2017

    Não fazem falta está parado ou trabalhando ! Agora este dinheiro a mais que se paga a estes funcionários com baixa qualificação,aí sim,faz falta a união para por o país em ordem.

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook