Simulado de Emergência do TJRO mostra capacitação de brigadistas

Simulados como o que o Tribunal de Justiça realizou, são oportunidades de treinar equipes, neste caso, os brigadistas recém-formados pela instituição, para o combate a incêndios, resgates, primeiros socorros e evacuação.

Assessoria de Comunicação Institucional
Publicada em 21 de fevereiro de 2019 às 09:50
Simulado de Emergência do TJRO mostra capacitação de brigadistas

Saber qual a melhor atitude a ser adotada diante de um imprevisto é o principal resultado que se espera com a realização de um simulado de emergência. A visualização de cenas, mesmo planejadas, com todos cientes de que não há uma emergência real, prepara as pessoas para a realidade. Na tarde de ontem, 20, servidores, magistrados, visitantes e usuários do edifício-sede do Tribunal de Justiça de Rondônia saíram da rotina laboral para participarem do treinamento que envolveu bombeiros militares, viaturas e equipamentos.

Simulados como o que o Tribunal de Justiça realizou, são oportunidades de treinar equipes, neste caso, os brigadistas recém-formados pela instituição, para o combate a incêndios, resgates, primeiros socorros e evacuação.

Empresas e órgãos públicos devem ter um planejamento específico a respeito das instalações prediais, e os exercícios praticados no simulado fazem parte da execução das estratégias que permitirão, numa situação de risco, aumentar as chances de superar cenários críticos.

Para o Assessor Bombeiro Militar do TJRO Capitão Andrade Júnior, o Simulado alcançou os seus objetivos “e nos deu a certeza de que nossos brigadistas estão aptos a enfrentar as adversidades de um sinistro, confirmando, mais uma vez, o preparo inquestionável do Corpo de Bombeiros Militar de Rondônia”.

O presidente do Tribunal de Justiça de Rondônia, Walter Waltenberg Silva Junior, que participou de todos os preparativos do evento, assistiu, juntamente com centenas de servidores, magistrados e público em geral, toda a execução do treinamento. “A sensação de estar seguro faz bem a todos. Especialmente aos que tem a missão de garantir que a sociedade tenha seus direitos como o bem-estar, garantido. O Tribunal de Justiça tem brigadistas e servidores empenhados nessa missão”.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook